One Piece RPG
Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 XwqZD3u
One Piece RPG
Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 XwqZD3u


One Piece RPG : A GRANDE ERA DOS PIRATAS
 
InícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» Apresentação 7 ~ Falência Premeditada
Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Emptypor Furry Hoje à(s) 13:17

» Pandamonio, Vol 1 - Rumo à Grand Line!
Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Emptypor Fran B. Air Hoje à(s) 13:15

» Em busca da resistência
Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Emptypor Fran B. Air Hoje à(s) 12:32

» I - Vós que entrais, abandonai toda a esperança
Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Emptypor Meursault Hoje à(s) 09:29

» Caçadoras Eternas: Pesar Crescente!
Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Emptypor Wild Ragnar Hoje à(s) 02:33

» Ler Mil Livros e Andar Mil Milhas
Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Emptypor gmasterX Hoje à(s) 01:30

» União Flasco: Inicio do Sonho
Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Emptypor ADM.Tidus Hoje à(s) 01:11

» Wu-HA!
Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Emptypor CaraxDD Hoje à(s) 00:58

» Cap 4: O Silêncio dos Inocentes
Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Emptypor Wesker Hoje à(s) 00:29

» Cortes e Tiros, resgate na ilha das aranhas!
Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Emptypor Achiles Ontem à(s) 23:34

» Ato III: Not Fast but Furious
Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Emptypor Jean Fraga Ontem à(s) 23:19

» Ep 1: O médico e o marinheiro
Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Emptypor TerryBogard Ontem à(s) 22:58

» Hey Ya!
Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Emptypor Takamoto Lisandro Ontem à(s) 22:47

» 11º Capítulo - Cataclismo em Skypeia!
Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Emptypor Far Ontem à(s) 22:00

» Livro Um: Graduação
Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Emptypor ADM.Noskire Ontem à(s) 21:12

» [Kit] Silver Ash
Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Emptypor rafaeliscorrelis Ontem à(s) 20:53

» O Log que vale Dois Bilhões de Berries
Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Emptypor Blum Ontem à(s) 20:48

» Seagull Newspaper - A alegria floresce em Parthenon.
Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Emptypor GM.Alipheese Ontem à(s) 20:39

» O que me aguarda em Ponta de Lança? Espero que belas Mulheres, hihihi
Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Emptypor Pippos Ontem à(s) 20:09

» [mep] Luna
Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Emptypor lunabrag Ontem à(s) 19:46



------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG
Naruto RPG: Mundo Shinobi
Conheça o Fórum NSSantuário RPG
Erilea RegionRPG V Portugal
The Blood OlympusPercy Jackson RPG BR
A Song of Ice and FireSolo Leveling RPG
Veritaserum RPGPeace Sign RPG
Pokémon Adventure RPG

------------

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


 

 Cap. 1 - Pirata bonzinho?!

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte
AutorMensagem
ADM.Tidus
Duque Azul
Duque Azul
ADM.Tidus

Créditos : 71
Warn : Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 27
Localização : Fishman Island

Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Cap. 1 - Pirata bonzinho?!   Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 EmptyQui 03 Mar 2016, 13:34

Relembrando a primeira mensagem :

Cap. 1 - Pirata bonzinho?!

Aqui ocorrerá a aventura do(a) civil Milhouse Grunge. A qual não possui narrador definido.


____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Olá Convidado, seja bem-vindo ao One Piece RPG.
Links para ajuda: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] | [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo

AutorMensagem
gmasterX
Civil
Civil


Data de inscrição : 12/06/2014

Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 1 - Pirata bonzinho?!   Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 EmptySab 02 Abr 2016, 16:58

Krapacius
       
Começara a chover na ilha, não uma pancada poderosa, apenas uma leve garoa. Relaxante, uma água morna que atingia o rosto do jovem Krapacius. Uma chuva morna que contrabalanceava com aquele clima frio que o envolvia. Vincent que já estava calmo e parecia estar mais relaxado com aquilo, aquele homem tem um temperamento bem controlado, mesmo em uma situação onde a saúde e até mesmo a vida do jovem Krapacius estava em risco, ele apenas se manteve de pé e sorriu como estivesse em um dia ensolarado de verão, comemorando com a família. Talvez ele apenas não se importasse com ele, mas então por que tentaria salva-lo? Parece que tais questões só seriam respondias se o jovem Krapacius investigasse mais a fundo, mas não me parecia ser algo difícil, até por que ele se simpatizou com um desconhecido com uma enorme facilidade, chegando ao ponto de salvar um cara que nem sabia o que ou quem era. Krapacius podia ser uma daquelas pessoas que matam seus salvadores.

-Ah... Aquilo é o fruto de uma das minhas experiências aqui na ilha... Uma das regras para se sobreviver aqui é tomar cuidado com aonde você pisa. Pode acabar encontrando com um desses carinhas novamente. Eles são bem astutos e furtivos, por isso eles se camuflam com o solo para que suas vítimas pisem dentro de suas bocas. – Ele proferiu, brincando com uma poção que parecia ser bem perigosa. Krapacius poderia lhe avisar para tomar cuidado, mas seria bem rude de sua parte interromper o homem.

-Sei que é bem raro esses dias... Mas eu sou um alquimista... Ainda procuro pela pedra filosofal... Mas aos poucos eu sinto que é algo impossível. Enfim, acho que nunca trabalhei com ricina, mas se precisar de ajuda eu sei onde encontrar um enorme estoque de mamonas e você poderia usar meu laboratório. Não é nada de mais, mas essa é a única maneira com que posso lhe ajudar. – Ele então lançou esta poção para trás, em meio às arvores que causou uma enorme explosão.  – Enfim, apenas diga-me do que precisa! Eu estou disposto a lhe ajudar. – O homem então aguardou a conclusão de Krapacius enquanto brincava com outra poção.
Milhouse


O homem então se levantou e chutou o rabo de Milhouse pra longe Finalmente o jovem acabou com aquela tortura, o ladrão estava no chão e ele finalmente poderia buscar sua vingança. Pera... Vingança? Não é algo que um pirata “bonzinho” iria buscar, não é mesmo? Bem, não importa, o que importa é que ele tinha conseguido, com ajuda de uma mulher, mas o que importa é a intenção, não é?

Enfim, aquela mulher não parecia ser muito amigável. Talvez tivesse salvado a bunda do jovem Milhouse por que se sentiu obrigada. Até por que o povo em sua volta simplesmente assistiu toda a coisa rolando como se fosse algo normal. Com o rosto ainda inchado pelas pancadas que tinha levado o jovem Milhouse encarava a beleza da jovem que havia lhe ajudado, era tão bela que parecia ser frágil, mas em muitos dos casos, frágil não significa indefesa. Mesmo sendo algo meio que humilhante. Muitos ali adorariam ser salvos por ela. Ter sua atenção parecia ser uma tarefa difícil. Até mesmo pelo fato que já citei antes.

Mesmo poupando Milhouse de levar uma surra ainda maior, ela parecia não querer trocar uma idéia com ele, mas não importa, pois ela o salvou e ele só precisava disso para construir um mínimo de confiança por ela. Mas voltando a atenção para o ladrão nocauteado no chão, o jovem Milhouse parecia quere se vingar pelo fato do jovem ter o humilhado em publico, mas a jovem não parecia aprovar a idéia, então ao tentar avançar, a jovem o agarrou usando toda sua força para conter-lo.

-Ei valentão, assim como você não queria que o nosso amigo lhe prejudicasse tanto... É um ato extremamente covarde bater em um homem enquanto ele está caído desse jeito. Se realmente quiser bater nele, terá que me derrotar primeiro, e não vai ser algo bom para sua reputação. Bater em uma mulher e em um homem inconsciente logo após não é algo bem “nobre”. - A jovem então aguardou com um sorriso meio que debochado
Off:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Krapacius
Civil
Civil
Krapacius

Créditos : Zero
Warn : Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 04/03/2016
Idade : 31

Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 1 - Pirata bonzinho?!   Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 EmptyDom 03 Abr 2016, 10:42

O Misterioso Vincent - I
Posts: 05 - Vício: 05/15

Vincent era realmente um pessoa enigmática, mas parece que ele tinha uma bondade para com Krapacius que beirava um parentesco a muito perdido, mas não era algo a ser afirmado pois era apenas especulação emocional de alguém fora do lar.

Vincent explica sobre suas "crias" expostas pela ilha e Krapacius acha tudo aquilo interessante, um verdadeiro botânico de mão cheio era o tal Vincent.

- Nossa, eu adoraria saber mais sobres essas plantas carnívoras, quem sabe o senhor não pode me dar uma amostra de sementes como presente Hahahah!

Krapacius era bem direto e sem vergonha de falar o que queria. Então Vincent continuou e disse não saber nada sobre ricina, mas que sabia onde encontrar mamonas.

- Ótimo, com as mamonas e com suporte do seu laboratório eu poderei descobrir o que quero sobre essa substância -

Krapacius da uma palmada em suas roupas para tirar sujeira e então diz.

- Aaatatata Vamos lá Vincent-ossam, vamos ao seu laboratório? Estou curioso para ver onde trabalharei! Hahaha!

Então Krapacius esperaria e seguiria Vincent, tomando cuidado com a ilha e seus movimentos, pois não queria ser surpreendido por outra das criações do seu novo amigo.

- Sabe, parece que o conheço de algum lugar, não ossam? - Pergunta a Vincent.

Se eles andassem pela cidade, Krapacius perguntaria para Vincent.

- Então, está a situação desta cidade? Os bandidos tomam conta ou a marinha protege corretamente a população?



Histórico:
 

Objetivos:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Milho
Civil
Civil
Milho

Créditos : 4
Warn : Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 10010
Feminino Data de inscrição : 18/02/2016
Idade : 25
Localização : East Blue

Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 1 - Pirata bonzinho?!   Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 EmptyTer 05 Abr 2016, 23:38

Pé na bunda³
Posts: 008 | Vício 08/15

Ele foi impedido pela garota, mas de certa forma, já esperava isso. Afinal, como ela mesma havia dito, não era muito “nobre” da parte dele atacar o rapaz. Mas agora, devido à ação desmedida dele, ele corria o risco de tomar o terceiro pé na bunda. O ladrão já havia batido nele, a garota não parecia querer conversa e agora, ela parecia querer bater nele. Ele olhou pra ela, um tanto constrangido por sua ação anterior, tentando se afastar um pouco, talvez por medo.

- Bom, peço desculpas pelo meu comportamento agressivo, mas preciso recuperar as coisas que foram roubadas de mim e das pessoas da loja – Ele sorriu, enquanto coçava a cabeça.

Ele tentaria se aproximar lentamente para fazer com que o gatuno “devolva” as coisas, mas se a garota parecer agressiva, ele pedirá para que ela pegue os itens roubados anteriormente. Certificar-se-ia que o ladrão devolvesse o mapa do tesouro. Ele tentará levar tudo sozinho, mas pedirá para a garota acompanha-lo. Caso ele não consiga levar todas as coisas sem ajuda, ele pedirá para a garota ajudar a carregar.

- Vamos. Os cidadãos que foram lesados merecem conhecer quem os ajudou a ter suas coisas de volta – Já tentando puxá-la para o local onde tudo se iniciou – Acho que vou conseguir recompensá-la por sua ajuda.

Devolveria as coisas para as pessoas que eram donas de tal. E deixaria para ultimo, o mapa do tesouro que havia sido falado anteriormente. “Agora eu quero a minha recompensa”. Ele sorria.

- Então, trouxe seu mapa de volta. Eu poderia muito bem ter ido embora com ele – Claro, ele não teria coragem de fazer isso -, mas eu vim devolvê-lo. Então eu e essa garota merecemos uma parte! – Falaria tudo em voz baixa, para evitar atrair mais atenção.

Esperaria o seguimento dos fatos para falar ou fazer mais alguma coisa.



Histórico:
 
Objetivos:
 
Off:
 

____________________________________________________

É isso mesmo, Convidado, eu voltei.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Legenda:
 


Última edição por MilhouseGrunge em Ter 05 Abr 2016, 23:39, editado 1 vez(es) (Razão : Esqueci de colorir as falas)
Voltar ao Topo Ir em baixo
West
Caçador de Recompensas
Caçador de Recompensas
West

Créditos : 38
Warn : Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 8010
Data de inscrição : 12/03/2016
Localização : East Blue

Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: ....   Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 EmptyDom 10 Abr 2016, 15:47

Um Pirata Não tao bomzinho Assim    

A Chegada até Centaurea Island tinha sido complicada, Willian tivera que vender (praticamente dar) sua katana para poder seguir viajem, ou então seria despejado no oceano, mas afinal ninguém mandou o Capitão deixar a porta dos seus aposentos destrancada. Ter que vender sua katana por míseros 50.000 berries tinha sido a maior punhalada que Willian tomara na vida, a katana feita por seu pai, a última, mas era preciso, ele arrumaria outra em Centaurea, roubando ou tomando de alguém; Willian era um bom rapaz, era justo com quem merecesse, mas a vida tentava mudar seu caráter todos os dias, pois na rua so os fortes sobrevivem.

   As mãos do jovem espadachim estavam inquietas, não sentir o peso da katana no seu lado esquerdo era um incomodo, Will vivera bastante na rua, mas sempre lutou com sua katana, não era muito bom com socos e chutes.
  Willian estava meio sujo afinal já fazia um dia que não tomava banho, mas ele não ligava, sua camisa preta escondia as manchas de sangue que lhe acompanhava, Willian não saberia dizer se eram dele ou do oponente, mas pouco importava, ele estava vivo, e isso bastava. Seus cabelos pretos lhe cobriam a testa chegando a tampa um pouco os olhos, mas não o incomodava, sua visão era excelente, acima da média, por isso Willian usava um chapéu laranja, com óculos de aviador preso na frente, para nem o sol nem a poeira lhe atrapalhassem.

    - Finalmente Terra firme diria Willian com um breve sorriso- Bebida, Comida e Mulheres, ae vou eu !! – Diria pondo a mão no lado esquerdo da cintura onde ficava sua katana.
    - Merda, tenho que arrumar uma katana primeiro, deve haver alguma loja nessa cidadezinha.
   Will iria sair caminhando com as mãos nos bolsos, olhando atentamente para todos os lados em busca de alguma loja de armas, caso não veja nenhuma, Will iria chegar até uma pessoa e diria
      - Estranho, você sabe onde vendem katanas por aqui?  

Com isso iria agradecer com um leve aceno com cabeça e seguiria para a loja. Caso o estranho não saiba lhe explicar Will iria perguntar para outra pessoa repetindo a pergunta até achar alguém que saiba onde fica a maldita loja de armas.

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
gmasterX
Civil
Civil
gmasterX

Créditos : 11
Warn : Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 12/06/2014
Idade : 21
Localização : Na minha casa,ué

Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 1 - Pirata bonzinho?!   Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 EmptyTer 12 Abr 2016, 22:17

Krapacius|Milhouse



Uma longa caminhada... O carismático Vincent parecia calmo como sempre, passava a sua calma para o jovem Krapacius, que em meio aquele longo caminho percorrido nem tinha percebido que já estava no meio da área comercial da cidade. Tudo que podia ver era aquele homem, mostrando o caminho e cumprimentando as pessoas que vinham de encontro com sua pessoa. Parecia alguém conhecido por lá, mas não conhecido como uma grande personalidade que influencia toda a ilha. Ao longo do percurso ele ia respondendo as perguntas do jovem Krapacius.

-Essas plantas foram um dos meus maiores erros na área da genética... Mas eu acho que poderia coletar algumas amostras... – Ele então volta a observar o cenário.

- É bem provável... Eu conheço quase todo o mundo nesta ilha... Mas enfim... A ilha está sobre o domínio de revolucionários, eu não me importo quem esteja no pode desde que seja sempre pacifico e quieto por aqui, eu amo esse clima.

Enquanto isso, no meio da cidade, a jovem que acompanhava Milhouse parecia impaciente e desinteressada, porém ela ficou por educação, podia parecer alguém rude e hostil, mas agia com gentileza ajudando as pessoas.

-Tanto faz! Esse troço só me trouxe problemas, você pode ficar com isso, eu nem sei se tem um tesouro. – O proprietário do local então voltou sua atenção para a arrumação do local que tinha acabado de ser explodido.

- Bem... Eu posso lhe acompanhar até o tesouro... Mas eu realmente não quero nada... – Ela então, cruzando seus braços como sempre.

E DE VOLTA AOS DOIS RAPAZES! Vincent parecia apenas alguém que com sua simpatia, conquistou a todos e acabou sendo conhecido por todos. Em meio sua caminhada, o jovem pode ver uma bagunça formada em frente a uma loja de conveniências.

- Hirumi-san... O que está fazendo aqui? – Ele parou, encarando a jovem que acompanhava o atirador.

-Pai...? O que VOCÊ está fazendo aqui? E antes que me pergunte novamente, vim buscar o babaca do meu irmão. – Ela cruza os braços enquanto encara o senhor carismático com sua face mais “gentil” que sua natureza amarga poderia mostrar.

- Eu encontrei esse carinha na floresta – Com seu dedão, ele aponta para o jovem Krapacius que estava logo atrás. – E quem é ele... Seu novo namorado...? Bem... Tanto faz... Já está na hora do almoço, seu namoradinho pode nos acompanhar. – Vincent então tomou seu rumo, deixando Milhouse e a jovem Hirumi para trás.  Enquanto o jovem Milhouse estava processando o ocorrido, a garota o agarrou pelo braço, sem ao menos quere saber da opinião do jovem. –Se quiser ajuda, apenas me siga e fique calado. – Olhando para frente e com o mapa na mão, ele pode ver o carismático Vincent carregando o corpo daquele bandido que tinha chutado sua bunda, ainda desmaiado.

Após alguns minutos que se passou como segundos, o grupo adentrou uma pequena casa com dois andares, bem aconchegante e simples.

- Podem se sentar! Eu vou cozinhar algo... – O Vincent então atirou o corpo do jovem nocauteado em um dos quatro sofás que se encontravam na salinha e se dirigiu a cozinha. A jovem Hirumi apenas deixou a sala sem dizer nada. Restaram apenas Krapacius, Milhouse e o ladrão ousado. Com o som de Vincent fazendo sua magia na cozinha.
William




E assim chega novos horizontes, o provável fim dos tempos difíceis. William poderia tentar a sorte e recomeçar para compensar todas as dificuldades que tinha passado até agora. Mesmo que conseguisse, tenho certeza que ele terá um caminho árduo a sua frente. Bem, mas começando pelo começo, depois de levar uma surra e ter uma viajem meio que “desconfortável” o jovem já sabia qual seria seu primeiro passo: Arranjar uma arma! Por quê? Bem... Muitos de nós sabemos que há diversos ladrões espertalhões por ai, esperando por um cara desarmado para surpreender-lo. (Milho verde sabe muito bem disso: free:)

Mas como iria o jovem fazer algo como comprar uma arma se não fazia idéia de onde ao menos estava uma das lojas de armas da ilha. Hmm... Perguntar a estranhos? Não me parecia uma boa idéia... Mas quem sou eu para questionar? Em meio à cidade que estava agitada, ele se deparou com um homem vestindo um velho quimono preto. Ao se aproximar e velho lhe encarou por cima do ombro e antes que pudesse dar qualquer tipo de reação, William se viu no chão. O velho utilizou algum tipo de golpe complexo de karate, um dos bem ágeis por sinal. Ele apenas pode assistir o mundo girando enquanto ficava deitado no chão.

-Cuidado por onde anda moleque... Vai acabar achando encrenca... – O velho então se posicionava de forma brusca pôr reservada, estava pronto para atacar, mas também estava preparado para um ataque. Bem... Será que William iria correr e chorar feito uma menininha ou ficar para apanhar de um velhote?
Homem de quimono preto:
 

Histórico do William:
 

Off:
 


Última edição por Magnusx em Sex 15 Abr 2016, 14:48, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Milho
Civil
Civil
Milho

Créditos : 4
Warn : Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 10010
Feminino Data de inscrição : 18/02/2016
Idade : 25
Localização : East Blue

Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 1 - Pirata bonzinho?!   Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 EmptyQui 14 Abr 2016, 13:13

Almoço na casa do sogrão... Não, pera...
Posts: 009 | Vício 09/15

O jovem garoto dava um pulo de alegria, estava tão feliz que, como dizem por aí, poderia defecar o seu ânus fora de tanta felicidade. Mas, se visse que alguém, a não ser o antigo dono e a garota que o acompanhava, ele pararia e faria uma cara mais séria, porém ainda mostrando felicidade. “O destino sorriu pra mim hoje”. Ele agradeceria o velho com um aperto de mão e caso, fosse lhe dado à intimidade, ele o abraçaria. Olharia nos olhos do mesmo, sorrindo.

- Muito obrigado, meu querido amigo! Um dia você escutará meu nome e se lembrará de mim – Ele virou para escutar o que a garota falava.

Já que ela não queria nenhuma parte, seria injusto pedir a ajuda dela. Ele olhou fixamente para ela e fez uma expressão de desapontamento, pois, teria sorte de ter uma pessoa como ela ao lado. ”Que pena!”. Mas, são obras do destino, não é mesmo? Como o destino estava de bem com ele hoje, ele ouviu e decorou o nome da garota. “Hi-ru-mi, não posso esquecer, devo à ela”. Mas Mill, você não se esqueceu de nada? ”Irmão?! Se ela bateu com aquela violência no próprio irmão, imagina o que faria com os outros!”. Ele engole a seco, demonstrando certo receio misto com medo. Mas mesmo assim, ele foi agarrado pelo braço sem direito à defesa. “Ah, agora que eu morro!”. Mas se acalmou um pouco ao ouvir que ela apenas queria ajudar. Para evitar mais engraçadinhos, o Grunge dobraria o mapa e o guardaria em um de seus bolsos.

Chegando a casa, vendo toda a cena, o garoto faz sinal de quem ia perguntar algo, mas como ninguém lhe deu atenção, ele ficou quieto por um tempo. O silêncio parecia constrangedor, na cabeça dele. Então ele limpou a sua bunda, que poderia estar suja por cair e levantar tantas vezes, para se sentar e sentou-se. Virou-se para Krapacius, deu um leve sorriso, ainda constrangido com a situação e resolveu comentá-la.

- Eu estava apanhando para ele – Apontou para o jovem desmaiado – E agora estou na casa dele, para almoçar com o pai dele que vai fazer cozinhar e a irmã dele, que o pai acha que sou um pretendente. Mundo curioso, não acha? – Ele daria um leve riso, demonstrando que estava encarando a situação com bom humor – Ah, e a propósito – Ele estendeu a mão para Krapacius – Meu nome é Milhouse Grunge. Mas pode me chamar de Mill – Ele sorria, demonstrando seu carisma.

O jovem aguardaria as próximas ações, sentado, desde que o anfitrião da casa não pedisse para que ele levantasse (Se o Vincent pedir pra ele levantar, ele levantará, afinal, está na casa dele), para ver o que poderia ser feito.

Histórico:
 
Objetivos:
 
Off:
 

____________________________________________________

É isso mesmo, Convidado, eu voltei.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Legenda:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
West
Caçador de Recompensas
Caçador de Recompensas
West

Créditos : 38
Warn : Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 8010
Data de inscrição : 12/03/2016
Localização : East Blue

Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: ...   Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 EmptySex 15 Abr 2016, 21:13

A Reviravolta




A rapidez do velho deixou Will assustado, a velocidade do golpe, a força, não teve como ter reação, e em questão de segundo sua cara estava no chão. A dor do impacto fez Willian fazer uma careta e gritar de dor.

 Will iria levantar limpando a poeira da sua roupa, caso seu chapéu tenha caído da sua cabeça, Willian iria caminhar e iria agachar e limpar a poeira do chapéu e depois colocaria de volta a sua cabeça, caso tenha sangue em sua boca Will iria cuspir para o lado e depois iria limpar a boca com as costas da mão direita.

Willian iria encarar com olhos de tigre o velho, usando de sua visão aguçada para observar se o velho tinha alguma arma ou katana, iria também observa se ele estava acompanhado ou sozinho, so então diria.

- As pessoas dessa cidade são realmente estranha- enquanto falava Willian iria ficar parado, não iria se aproximar do velho de novo-Não quero confusão com um velho, e também não luto sem uma katana em mãos- diria Willian gesticulando, como se estivesse com uma katana invisível.
- Me chamo Willian West, se quiser me ensinar alguns golpes velhote serei grato, caso contrário peço que saia da minha frente e me espere voltar com uma katana em mãos, assim poderemos resolver essa batalha- diria Willian olhando fixamente para os olhos do velho, tentando mostrar que ele não estava mentindo.

Caso o velho ataque, Willian iria recuar tentando escapar dos golpes do velho, não iria revidar, afinal de contas não sabia lutar sem uma katana, Willian iria usar de sua velocidade e agilidade para esquivar para trás.
[/color]



off:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
gmasterX
Civil
Civil
gmasterX

Créditos : 11
Warn : Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 12/06/2014
Idade : 21
Localização : Na minha casa,ué

Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 1 - Pirata bonzinho?!   Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 EmptySeg 18 Abr 2016, 22:13

Milhouse|Krapacius


 A luz do sol invadia a sala na companhia de uma leve brisa que balançava os tecidos e as mechas que estavam soltas. Passava uma sensação de calma e aconchego, afinal, aquelas moradias que eram simples e pequenas sempre passavam essa sensação para todos. Isso parecia ser uma benção dos céus mesmo que a maioria das pessoas tinha o mesmo aconchego.  Mas Vincent com toda sua gentileza e felicidade parecia também emanar essa sensação que rodeava seu corpo. Talvez esse fosse um dos dotes que se consegue ao ter que agir como pai solteiro. Mas além daquilo ele era um pai protetor e não queria que princesinha fosse levada por um marmanjo qualquer. Por isso Milhouse sentia Vincent emanando uma aura agressiva pra cima dele. Podia não parecer, mas ele não gostava muito dessa idéia.

O Homem então retorna com um prato dois pratos e de repente, o jovem que estava nocauteado se levanta girando seu corpo. O movimento ousado fez com que ele acertasse um chute potente no jovem Krapacius, o golpe acabou lançando Krapacius pela janela que estava próxima.

-H-Huh? Onde é que eu estou? – Ele então olha em volta, confuso. –Você! O que você está fazendo aqu-! – Suas breves palavras então são interrompidas por um murro que fora rapidamente efetuado pelo amável Vincent.

-Não acha que causou confusão o suficiente? – Ele se dirige ao jovem com um olhar serio.

-Ah... Desculpe-me...  – Diz o jovem de vermelho, coçando sua nuca.

-Bem... Onde está o Krapacius...? Pensei que ele iria querer ver o meu laboratório... Bem... Se ele teve que ir, tanto faz. Aqui está. – Ele profere, entregando um dos pratos para Milhouse. O cheiro era ótimo, uma torta de frango com queijo, temperada com orégano, uma pitada de pimenta e coberta por fatias de tomate. Ainda estava quente e parecia uma delicia. Ele então entrega o outro prato ao jovem que encarou o prato por alguns segundos e então o pegou.

-Agora suba e chame sua irmã... Eu vou ter uma conversa  com o convidado -  Ele diz com um sorriso. O jovem então se retira com um olha meio preocupado.

-Agora jovem... O que você realmente que com ela? –Ele diz com sua alma em chamas e demonstrando esse fervor em seu olhar, enquanto aguarda a resposta.
William


Parecia que o velho não ia deixar William partir tão facilmente. As chamas da batalha ascenderam seu experiente coração. Seu olhar serio deixava aquilo bem óbvio enquanto o povo em volta apenas observava a briga, parecia que eles gostavam de uma confusão.  O velho agarrou um pedaço de madeira que estava por ali no chão e arremessou em direção ao jovem.

-Você não vai fugir como um covarde, mais vai lutar como um? Empunhar uma arma contra um senhor de idade não é algo muito justo... Pois bem... Isso só me dá mais motivos para acabar com você... AGORA! ATAQUE! – O senhor estava mais puto ainda pelas palavras do jovem e pelo fato de ter subestimado o senhor. Ele aguarda com fúria em suas palavras.
Histórico do William:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.][Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Bejin no ombro:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Milho
Civil
Civil
Milho

Créditos : 4
Warn : Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 10010
Feminino Data de inscrição : 18/02/2016
Idade : 25
Localização : East Blue

Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 1 - Pirata bonzinho?!   Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 EmptyTer 19 Abr 2016, 13:21

In trouble! AGAIN!
Posts: 010 | Vício 10/15

Milhouse estava aconchegado naquele ambiente amoroso e simples. Ele se sentou sentindo mais convidado do que realmente estava. Mal sabia ele que ele foi convidado para aquele local com um propósito diferente de “um simples e belo almoço”. O garoto pôde sentir a intimidação causada por Vincent, o que fazia engolir a seco. Afinal, já tinha apanhado do filho, sido ameaçado pela filha e, de algum lugar eles herdaram aquela habilidade para luta. A sua respiração fica um pouco densa, mostrando claramente o medo que ele sentia por se enfiar naquela situação. Ele tentava afrouxar um pouco a gola de sua camiseta, que, por causa de seu medo, parecia sufoca-lo. ”Droga, eu não queria confusão com pessoas de bem!. Quem olhasse poderia achar que ele está com medo, nervoso ou até ansioso.

Para contribuir com toda a coragem e ousadia que sentia naquele momento, o jovem que havia chutado a bunda do atirador anteriormente, levantava dando um enorme chute na face de Krapacius e o jogando-o pra você. Agora o coração dele acelera, ele sente um frio na barriga e pode até suar frio. E... Depois do soco de Vicent... ”Ainda bem que eu não comi direito no café da manhã, senão eu teria borrado as calças”. Milhouse se sente tão intimidado, que pega o prato e faz um sinal com a cabeça, como agradecimento, rezando para não parecer mal-educado. Mas ao ver que foi deixado sozinho com Vicent, suas palavras e seu olhar destruidor, ele não consegue comer. Acha melhor explicar o mal entendido logo, antes que leve outra surra.

- B-b-b-b-bo-bo-bom se-se-senhor – Ele diria, gaguejando. Faria uma pausa pra respirar, tentando diminuir o seu nervosismo – Eu sou filho de um revolucionário e meu pai acha que só sendo um revolucionário, eu poderei ser um “grande homem” – Ele faz aspas com a mão. Só de lembrar este fato, teve uma motivação maior e um medo menor de continuar – Esta manhã eu saí de casa e fui à loja. Chegando lá, encontrei o seu filho roubando a todos. Tentei ir atrás dele, para impedi-lo, mas levei uma surra – Falaria este ultimo fato com destaque, pois queria frisar que o filho dele era bom de luta – e no fim, sua filha me salvou. Eu apenas queria que ela me ajudasse em uma busca, afinal, sou um fiasco com lutas – Encerraria a explanação e tentaria desviar o foco – Você ensinou eles a lutarem? Poderia me ensinar também?

O garoto iniciaria comer, para não ser mal-educado.


Histórico:
 
Objetivos:
 
Off:
 

____________________________________________________

É isso mesmo, Convidado, eu voltei.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Legenda:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
West
Caçador de Recompensas
Caçador de Recompensas
West

Créditos : 38
Warn : Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 8010
Data de inscrição : 12/03/2016
Localização : East Blue

Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 1 - Pirata bonzinho?!   Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 EmptyQua 20 Abr 2016, 20:27

O Jovem Espadachim Avança


A reação do velho tinha sido totalmente inesperada para Willian, ele simplesmente queria uma simples informação, apenas onde ficava a loja de armas. Mas de algum modo parece que o velho tinha se ofendido, mas pouco importa agora, a paciência estava começando a acabar.
A multidão começava a se aglomerar em volta dos dois, afinal quem não gosta de uma discussão.


- Olha aqui velho, eu não queria encrenca logo que eu chegasse na cidade, mas você não me deixa escolha, eu não vou fugir, mas deixo claro, você mexeu com o cara errado.
Willian iria abrir um leve sorriso em seu rosto, depois olharia bem nos olhos do velho

- Droga, sem uma katana eu sou um inútil, mas agora e questão de honra acabar com esse merda- pensaria Willian olhando a sua volta.

Willian iria estralar os dedos das mãos, após isso iria procurar o pedaço de madeira que o velho tinha jogado nele, iria caminhar até o pedaço de madeira se agacharia e depois iria pegar apenas com uma mão, a direita, caso fosse pesado para se empunhar com uma mão, Willian iria segurar com as duas, como se fosse uma katana.

Feito isso iria caminhar lentamente em direção ao velho, olhando fixamente o seu alvo, tentaria acabar com apenas um golpe, teria que ser certeiro e forte o bastante para nocautear o velho.
- Pois bem, eu não sei lutar com as mãos, mas te derrotarei com um pedaço de madeira- diria Willian apontando a ponta da madeira para o velho- Se prepare, eu não terei piedade.

Willian caminhar ate ficar a aproximadamente 5 metros do velho, caso ele estivesse a menos de 5 metros iria caminhar um pouco para trás, depois iria flexionar um pouco os dois joelhos, deixando o pedaço de madeira a sua frente, segurando com uma mão, a sua direita(caso fosse pesado iria segurar com as duas)depois iria usar a impulsão dos seus joelhos e sua aceleração para avançar o mais rápido possível, quando estivesse próximo do velho iria abaixar suas mãos, na altura da cintura, iria abaixar um pouco sua cabeça, quando entrasse na área do oponente iria levantar com toda a força possível o pedaço de madeira, ou seja de baixo para cima, visando acertar o queixo do oponente e nocauteá-lo.

Caso o velho ataque Willian com um soco enquanto ele avança em sua direção Willian iria tentar esquivar se agachando, e depois iria realizar o movimento de impulsão para cima tentando acertar o queixo do velho, caso for um chute com um pulo pra frente, e assim, so assim iria atacar de cima para baixo, ou seja como se o pedaço de madeira fosse um martelo iria martelar a cabeça do velho, mas apenas se o ataque for um chute.

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.][Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Krapacius
Civil
Civil
Krapacius

Créditos : Zero
Warn : Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 10010
Masculino Data de inscrição : 04/03/2016
Idade : 31

Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 1 - Pirata bonzinho?!   Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 EmptySex 22 Abr 2016, 21:31

Na casa de um amigo - I
Posts: 06 - Vício: 06/15

Krapacius esta alheio ao ambiente, por um momento sua cabeça tinha se desligado do mundo e ido parar na lua, seria efeito do seu parafuso meio frouxo? Bom apenas o mesmo saberia informar se ao menos conseguisse dizer uma palavra se quer. Não pode ver o cumprimento de Milhouse, não pode sentir o cheiro da comida, porém, ele estava viajando em pensamentos avulsos.

De repente, como uma pedra que cai em um lago calmo e atiça toda a água, Krapacius levou um chute tão forte que vou pra longe. Parece que o piripaque precisava de uma chave para desligá-lo e aquele chute o fez. Krapacius procura se recompor, e adentra na casa puto da vida.

- O que diabos foi isso?! - Fala aos berros

Porém tinha comida no local, isso era algo que Krapacius não poderia deixar de ver e sentir com seu nariz esfomeado. Vincent estava no local, e mais duas pessoas, uma menina e um garoto.

- Vincent-ossan! Onde estou? - Falou com alegria

Então procuraria se dirigir a mesa, ainda todo estropiado ele estaria devido a porrada que recebeu, e um possível e enorme galo em seu rosto devido ao chute potente.

- Isso vai ter volta! Rum! - Respira fundo - Aaatatata Posso comer?

Ele virasse para Milhouse e pergunta...

- Quem é você? - Um dejavú passa naquele momento.

De certa forma, Krapacius parecia estar em casa naquele ambiente, e o fato de Vincent, seu mais novo amigo está ali, ele se sentia mais confortável. Sendo assim, ele comeria se assim Vincent permitisse, ou não comeria se fosse lhe negado este direito. De toda maneira, ele sentaria ao menos à mesa.
Histórico:
 

Objetivos:
 

OFF:
 

____________________________________________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Empty
MensagemAssunto: Re: Cap. 1 - Pirata bonzinho?!   Cap. 1 - Pirata bonzinho?! - Página 3 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Cap. 1 - Pirata bonzinho?!
Voltar ao Topo 
Página 3 de 8Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
One Piece RPG :: Oceanos :: South Blue :: Centaurea Island-
Ir para: