A Grande era dos Piratas



 
FAQCalendárioInícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» Raksha Ragnarson
por GM.Senshi Hoje à(s) 02:22

» [M.E.P.] Valerie Valentine
por Valerie Valentine Hoje à(s) 00:36

» [MINI - Valerie Valentine] Sussurros de Ohara
por Valerie Valentine Hoje à(s) 00:29

» Mini - Saskwatch - Futuro promissor
por Saskwatch Ontem à(s) 23:56

» Mini - Saskwatch - Futuro promissor
por Saskwatch Ontem à(s) 23:55

» [M.E.P] Lou White
por Brandt Ontem à(s) 23:27

» [Mini- Lou] True Damage
por Brandt Ontem à(s) 22:32

» [MINI-Big Brady] O Início
por Big Brady Ontem à(s) 22:08

» [Mini-Aventura] José Cardoso
por Rottweiler Ontem à(s) 21:02

» Aaron DeWitt
por GM.Yami Ontem à(s) 20:50

» Masaru Rokudo
por ADM.Raizen Ontem à(s) 20:32

» [Mini - EmperorNie] Em meio ao cheiro de tabaco
por EmperorNie Ontem à(s) 18:00

» [Mini - Last] - O Mini-aventureiro
por Hisoka Kurayami Ontem à(s) 17:40

» [MINI-SovereignHajime] O Começo da Jornada
por SovereignHajime Ontem à(s) 12:09

» [Mini - Freccia] Acordar
por Freccia Ontem à(s) 04:54

» Bell Farest
por Far Ontem à(s) 03:18

» [Mini - Night] - A despedida e o início
por Mephisto Ontem à(s) 02:41

» [Mini - Keel Lorenz] - A New Dawn
por Keel Lorenz Ontem à(s) 00:27

» [M.E.P] Freccia
por Fanalis B. Ria Ter 19 Mar 2019, 23:14

» [MINI-Hanabi] Happy New Year
por Fanalis B. Ria Ter 19 Mar 2019, 20:23

Facebook

------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG


Conheça o Fórum NS


Compartilhe | 
 

 Mini Aventura

Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2, 3  Seguinte
AutorMensagem
Faktor
Membro
Membro
Faktor

Créditos : 6
Warn :
Masculino Data de inscrição : 04/01/2019

MensagemAssunto: Mini Aventura   Qua 09 Jan 2019, 11:41

Nome:Feared
Idade:17 anos
Sexo:Masculino
Raça:Humano(normal)
Tamanho:1,74 m
Estilo de Combate:Lanceiro
Localização:Shells Town
Grupo:Civil
Vantagens:Aceleração
Desvantagens:Código de Honra(Código do Caçador)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Galaxy Dante
Orientador
Orientador
Galaxy Dante

Créditos : 15
Warn :
Masculino Data de inscrição : 30/03/2013
Idade : 19
Localização : Eu não existo longe de vc

MensagemAssunto: Re: Mini Aventura   Sex 11 Jan 2019, 19:52

~Mini-Aventura REPROVADA~

*Primeiramente, prazer em orientá-lo meu caro. Vamos começar pelos códigos, você errou tanto aqui quanto na TND. Reposte, com o código corretamente, deixando os bs entre os campos e as respostas depois. Por exemplo: *

Nome:Feared.

Após repostar correto aqui, poderemos começar a mini. Isso servirá pra você colocar as coisas corretamente nos sistemas no futuro e tudo o mais.

____________________________________________________

"Teu coração é livre, tenha coragem de segui-lo"


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Faktor
Membro
Membro
Faktor

Créditos : 6
Warn :
Masculino Data de inscrição : 04/01/2019

MensagemAssunto: Re: Mini Aventura   Sab 12 Jan 2019, 13:36

@Galaxy Dante escreveu:
~Mini-Aventura REPROVADA~

*Primeiramente, prazer em orientá-lo meu caro. Vamos começar pelos códigos, você errou tanto aqui quanto na TND. Reposte, com o código corretamente, deixando os bs entre os campos e as respostas depois. Por exemplo: *

Nome:Feared.

Após repostar correto aqui, poderemos começar a mini. Isso servirá pra você colocar as coisas corretamente nos sistemas no futuro e tudo o mais.  

Nome:Feared.
Idade:17 Anos.
Sexo:Masculino.
Raça:Humano(normal).
Tamanho:1,74 m.
Estilo de Combate:Lanceiro.
Localização:Shells Town.
Grupo:Civil.
Vantagens:Aceleração.
Desvantagens:Código de Honra(Código do Caçador).
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Galaxy Dante
Orientador
Orientador
Galaxy Dante

Créditos : 15
Warn :
Masculino Data de inscrição : 30/03/2013
Idade : 19
Localização : Eu não existo longe de vc

MensagemAssunto: Re: Mini Aventura   Qua 16 Jan 2019, 19:49

~Mini-Aventura APROVADA~


Olá, seja bem-vindo ao OPRPG!!

Eu sou um Orientador, minha função é lhe ajudar a se adaptar neste universo do OPRPG.

Sendo assim irei lhe orientar de todas as formas possíveis, a partir de dicas no decorrer desta Mini-Aventura. Como esse fórum é bem complexo em suas regras, também irei tentar responder suas dúvidas, por isso, no menu de navegação (parte superior do site) existe um link M.P. O mesmo corresponde às mensagens privadas. Lá você poderá, em qualquer momento que achar necessário, me enviar dúvidas de como prosseguir no jogo; ou pode entrar no seguinte link: http://www.onepiecerpg.com/f3-duvidas-criticas-e-sugestoes , e criar um tópico para algum membro da Staff responder; mas caso tenha dúvidas durante a Mini, pode colocar em "off" no próprio post.

Sim... Vamos ao que importa?

Abaixo seguirão algumas dicas para que leia antes de criar seu primeiro post.

DICAS:


  • Lembre-se que você apenas narra as ações de seu personagem, seu personagem nunca FAZ ele sempre TENTA e também demonstre desde o 1º post qual o seu objetivo na aventura.
  • O ambiente que você se encontra, NPC's e todo o resto que compõe sua aventura, quem cuidará disso sera seu narrador.
  • As mini-aventuras servem para corrigir seus erros na narração durante a aventura e também formas melhores de deixar sua narração mais interessante.
  • Caso a Mini-Aventura fique sem post durante 5 dias por parte do player, a mesma será cancelada.


O 1º post é seu e eu serei o seu Orientador.


____________________________________________________

"Teu coração é livre, tenha coragem de segui-lo"


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Faktor
Membro
Membro
Faktor

Créditos : 6
Warn :
Masculino Data de inscrição : 04/01/2019

MensagemAssunto: Re: Mini Aventura   Sex 18 Jan 2019, 12:54





Estaria sentado em um banco, pensando em que vida levar. Lembro de todo ao meu passado e fico pensando, ~porque todos acham que os piratas são sempre mal? Se eles pudessem mesmo ver pelo oque eles passam, poderiam entender. Acho que a maioria não teve todo o sofrimento que eu tive.~ Então me levantaria e iria andando pelas ruas. Mas se caso estivesse dentro de uma casa, iria até a porta assim giraria sua maçaneta para abri-la, caso n fosse minha casa, e sim fosse uma hospedagem, pediria para que abrisse, então iria para as ruas. Agora se talvez estivesse na ponta de um lugar alto, sentiria a brisa e logo, me afastaria por completo da ponta. -Meu Deus, tenho que tomar cuidado com essas coisas.- Então se visse uma porta, tentaria abri-la e ir para as ruas. Caso n visse, procuraria qualquer outro jeito de descer.
        

Assim que estivesse na rua, começaria a andar, então ao perceber que estaria com fome, veria uma venda de maçãs, então caso visse uma oportunidade, tropeçaria e caso estivesse caindo, pegaria uma maçã e a guardaria a mesma em uma bolsa que teria. Caso passasse por uma venda de uvás, veria os cachos de longe, e acharia o melhor, então se eu passasse por ela, na hora que estaria passando a sua frente, viria um grupo de pessoas que assim teria que chegar mais para o lado da venda, então quando fizesse isso, com o meu casaco pegaria rapidamente o cacho e o botaria assim em meu casaco, na hora fechando ele e me virando para continuar. Caso me pegassem roubando alguma dessas frutas, eu começaria a correr. ~Merda, me pegaram!~ Assim olharia para trás, então se eu vesse que as pessoas continuaram me seguindo, procuraria um beco, caso esse beco tivesse uma media parede de grades, tentaria pular ela, assim a escalando e passando para o outro lado, então continuaria correndo um pouco até achar uma parede assim me sentava no chão e começaria a comer, ou ia para um lugar longe daquela grade, mas caso tivesse uma caçamba de lixo e uma parede de concreto normal, tentaria pular na caçamba de lixo,então dela eu pularia o muro, passando para o outro lado,então ficava ali e começaria a comer a maçã, mas caso só tenha mesmo um muro, tentaria dar um pequeno impulso para a parede, assim daria dois passos na parede, fazendo um impulso para o muro, então tentaria me agarrar no final do muro, caso conseguisse, passaria um de meus pés para o outro lado do muro assim me sentando com um pé pra cada lado, então depois passaria o outro pé, depois ia para o outro lado, então me sentaria ali mesmo e começaria a comer. -Isso, Consegui!-

Agora, caso ninguém estivesse mas me seguindo, eu pararia de correr, encostaria em uma parede e começaria a comer, caso eu tivesse chegado em uma praça, eu iria até um banco me sentaria e começaria a comer. -Ainda bem que pararam de me perseguir, acho que n conseguiria correr por muito mais tempo!- Agora, se desde o começo, ninguém tivesse percebi, eu simplesmente, sairia andando normalmente, tentaria procurar algum local para me sentar, caso achasse eu começaria a comer. -Nossa, me dei muito bem!- Depois que eu terminasse de comer, botava meus braços para atrás de minha cabeça e iria andando pela a rua. ~E agora, oque eu vou fazer?~

Estaria andando pela rua, onde quando pararia, veria uma loja de armas que não parecia ter tanta segurança, então repararia bem e veria uma lança caída no chão, que n seria uma muito boa, mas daria para me proteger, caso possa vir acontecer algo, assim logo veria muitas oportunidades em minha cabeça, para tentar pegar ela. Logo assim que veria a melhor chance, que seria quando não estivesse muita pessoas, e vou tentar pegar ela, quando talvez o dono da loja, possa estar ocupado. Veria essa chance, então logo assim iria para o lado dessa lança, perceberia que essa oportunidade poderia aparecer, assim eu tentaria fazer como as pessoas fazem no skate, bateria meu pé na ponta dela, então faria ela levantar, se conseguisse, disfarçaria. Começaria a mexer nela, para que talvez ninguém desconfie. Caso tenha conseguido pega-la mas alguém viu, provavelmente começariam a ir até mim, nesse caso eu sairia correndo, ~Porcaria, sempre fazem isso.~ Olharia para trás, assim caso eu visse que estavam correndo atrás de mim ainda, ainda correndo, tentava virar para trás, assim se conseguisse faria um movimento 180 graus, com a lança que talvez teria pego, então começando do lado esquerdo até o lado direito, n faria para machucar, sim faria para afasta-los, caso conseguisse, viraria de novo para frente, então, tentaria achar um beco fechado, que n tivesse como entrar e nem como sair, se achasse, tentaria entrar nele, escalando, com talvez alguma ajuda de um outro objeto. Agora caso n ache, fico tentando achar um local, e também tentando entrar caso ache. Se eu achar e conseguir entrar, botaria a lança que posso ter pego deitada em um canto, então tiraria meu casaco e blusa, assim os botaria em um canto ao lado da lança, faria isso para poder me refrescar com os maravilhosos ventos de Shells Town. então me sentaria ao lado  de meus pertences, e ficaria refletindo sobre esse dia e os próximos que posso ter.  -Obrigado Deus, por mais esse dia finalizado.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Galaxy Dante
Orientador
Orientador
Galaxy Dante

Créditos : 15
Warn :
Masculino Data de inscrição : 30/03/2013
Idade : 19
Localização : Eu não existo longe de vc

MensagemAssunto: Re: Mini Aventura   Qua 23 Jan 2019, 02:17

~Post NEGADO~


Tive que negar seu post por conta do God-Mode, mas não esquenta, é normal no início. Seguinte, até o primeiro parágrafo, tava tudo certo, você não tinha narrado o cenário nem criado situações que não existiam até então. Mas ai todo o restante do post você narra que enquanto tava andando, do nada surgia uma venda de maçãs e etc etc...

Bom, vou te falar com exatidão que God-Mode abrange não só isso, como também algumas outras coisas. Mas em especifico no seu post, você narrou o cenário e situações que não ocorreram no post do orientador/narrador, em resumo, você só interpreta seu personagem e TENTA as suas ações no mundo, mas não cria o mundo nem as outras pessoas nele. Só interpreta seu personagem reagindo às coisas, ele TENTANDO fazer suas ações para depois ser dito se conseguiu ou não no meu post. O cenário, deixe comigo, deixe tudo como uma suposição como você fez no primeiro parágrafo.

Se quiser sair do lugar que está de início e comprar uma lança como está ali, diga que vai fazer isso, vai sair de onde está(sua casa, hospedaria, sei lá, onde na sua estória constar que você inicia ali, mas essa é a única vez que você pode botar um cenário, literalmente no início com o background do seu char) e saindo de onde está vai tentar fazer tal coisa, como procurar uma loja e comprar uma lança.

Isso tudo no futuro do pretérito e/ou com o verbo tentar antes pra não cometer o god-mode. Veja bem um exemplo: "Estaria sentado em um banco, pensando em que vida levar. Lembro de todo ao meu passado e fico pensando, ~porque todos acham que os piratas são sempre mal? Se eles pudessem mesmo ver pelo oque eles passam, poderiam entender. Acho que a maioria não teve todo o sofrimento que eu tive.~ Então me levantaria e iria andando pelas ruas, a procura de uma loja de armas. Assim que eu encontrasse uma, diria então para o vendedor - Fala meu consagrado, me diz aí quanto custa uma lança das boas. Vou querer uma - Analisaria então a qualidade e se fosse boa compraria, dando o dinheiro necessário[...]" E por aí vai, suas ações são de tentativa e não de afirmação, sacou?

O god-mode abrange também coisas como fazer surgir itens do nada, como o caso da lança ali. Você só tem o que está na sua ficha(que não existe ainda, mas vai existir quando acabarmos o tutorial vulgo mini) e, além do que está na ficha, só o que o narrador/orientador disse que você conseguiu pegar. Bom, é isso, afirmar coisas mais simplórias e que só remetem ao seu personagem, como dizer que respirou fundo, os batimentos do coração aceleraram, se sentiu triste etc... Coisas interprertativas e que não afetam a trama significativamente, você pode afirmar à vontade. Se tiver qualquer outra dúvida, pode ir no discord que responderei.

____________________________________________________

"Teu coração é livre, tenha coragem de segui-lo"


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Galaxy Dante
Orientador
Orientador
Galaxy Dante

Créditos : 15
Warn :
Masculino Data de inscrição : 30/03/2013
Idade : 19
Localização : Eu não existo longe de vc

MensagemAssunto: Re: Mini Aventura   Seg 28 Jan 2019, 17:52

Mini-Aventura CANCELADA...


Mini-aventura cancelada por inatividade. Caso queira reabrir sua mini mande PM para algum orientador, GM ou ADM.

____________________________________________________

"Teu coração é livre, tenha coragem de segui-lo"


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
ADM.Hoyu
Olhos de Deus
Olhos de Deus
ADM.Hoyu

Créditos : 57
Warn :
Masculino Data de inscrição : 27/04/2013
Idade : 18
Localização : Grand Line - Jingle Bell Island

MensagemAssunto: Re: Mini Aventura   Sab 09 Fev 2019, 16:38

Mini-aventura reaberta a pedido do player
Procure um Orientador na M.E.P.

____________________________________________________




Grupo:
 


2017:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Faktor
Membro
Membro
Faktor

Créditos : 6
Warn :
Masculino Data de inscrição : 04/01/2019

MensagemAssunto: Re: Mini Aventura   Dom 10 Fev 2019, 17:58

Após refletir sobre minha vida, vendo que vou querer seguir o mesmo caminho de meu pai, eu ia precisar de algo para que eu possa me proteger, logo me levantaria de meu lugar, e já começaria a andar por aí tentando achar de algum jeito alguma loja de armas, tentaria falar com pessoas para saber onde ficava e andaria por onde falavam, caso tivesse placas, iria segui-las até tentar achar tal loja, caso achasse iria até o homem que seria o responsável pelo o estabelecimento, e falaria. -Olá moço, vc por acaso teria uma lança boa? Mas quero uma das boas msm, caso tenha, acho que irei levá-la!- Caso ele me oferecesse duas lanças que poderiam ser as melhores de sua loja, pegaria elas em minha mão se ele deixasse também, olharia todos os seus detalhes, tentaria ver se sua lâmina seria afiada para perfuração, ou talvez uma que não fosse afiada mas que serviria mais para bater e causaria dano com seu impacto talvez, logo que tentaria ver isso, tentaria ver seu tamanho, eu n gosto muito de coisas muito grandes para ser usadas, mas também não gosto de coisas muito pequenas, logo veria qual das duas seria de um tamanho médio, e também procuraria ver seu peso, pois também gosto de coisas fáceis de manipular, como teria um corpo muito pequeno, coisas muito pesadas e até msm coisas muito grandes como tinha dito, é mais difícil para que eu manipule, caso ele tenha deixado eu ver todas as suas características, perguntaria o preço de cada uma das duas, e tentaria pagar que se encaixasse em meu orçamento, e que pelo menos, n fosse tão pesada, e que tivesse um tamanho mediano, logo se tivesse conseguido uma que fosse de meu agrado, tentaria comprá-la. Agora se ele tivesse me dado somente uma opção, procuraria ver todas as características que eu posso ter visto, se ele tivesse me dado duas opções, logo também perguntaria seu preço, e se fosse uma que estivesse ao meu alcance financeiro e talvez fosse de como gostasse, tentaria comprá-la. Mas caso ele desde de o começo tivesse falado que eu n poderia pegá-las, por serem boas e talvez não quisesse que eu toque nelas, procurava fazer todas as perguntas sobre ela, e logo tentaria ver se se encaixaria ao meu estilo e ao meu orçamento, caso me dissesse o quê eu queria saber sobre ela, pagaria a que teria mais aspectos que se encaixe a mim. Como estava tentando pegar uma lança, antes de tentar comprar tão lança falaria. -Então senhor, como estou querendo comprar uma lança, queria saber se você talvez não teria algum suporte para ela, um sinto com um lugar para colocá-la, ou talvez alguma coisa que se coloque em meu tronco, para que eu consiga bota lá ali. O senhor teria algo do tipo?- Logo que falaria isso, se ele talvez me perguntasse qual seria uma cor de preferência, falaria que caso ele tivesse alguma preta, marrom ou um vermelho quase vinho, nisso se ele me falasse que teria essa opções, perguntaria se eu poderia pegá-las, se ele deixasse, pegaria elas, veria seus detalhes e onde ela seria posta, caso ele tivesse as opções de por na cintura ou em meu tronco, iria tentar ver seu preço, logo se ele estivesse dentro do meu total de dinheiro somaria mais o da lança que estava querendo comprar, para ver o quanto daria. Se ele n me deixasse pegar elas em minha mão, o perguntaria, como foi feita e do que, perguntaria de qual posição seria a desse suporte, e seu preço, perguntaria para ele se ele poderia somar com o valor da lança que estava querendo pegar também, caso ele n possa eu mesmo somaria, e se estivesse tudo os conforme, tentaria comprar a lança e o suporte, ou só a lança, se caso eu n tiver o dinheiro suficiente para o suporte. Se eu conseguisse pagar as duas coisas, procuraria sair da loja pelo o mesmo lugar de onde entrei, logo também acenava de costas pra ele e falava. -Obrigado moço, que vc consiga muitos outros clientes e consiga ter uma vida feliz!- Após minha fala, provavelmente já estaria fora da loja, nisso tentava ir até um banco para me sentar e ver com mais calma seus detalhes. Agora se eu não pudesse comprar o suporte também pois poderia estar acima do meu orçamento, eu simplesmente perguntaria se eu poderia levar alguma de suas lanças, caso o dinheiro fosse suficiente, só o pagaria e depois faria oque teria feito caso pudesse levar a lança e o suporte. Já se eu n tivesse dinheiro pra comprar nada, só pediria desculpas por ter o incomodado, e tentava me retirar de tal estabelecimento, caos não tenha nenhum problema, começaria a andar pelas as ruas de cabeça baixa. Porcaria, essas coisas são caras, eu preciso de conseguir alguma grana, não posso ficar na mão, preciso de algo para que possa me proteger, caso não, vou ter que ser muito esperto na hora de fazer alguma besteira.


_________________________________________________________________
   

>Pensamento<

>Fala<
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Hisoka Kurayami
Cabo
Cabo
Hisoka Kurayami

Créditos : 9
Warn :
Masculino Data de inscrição : 15/06/2017

MensagemAssunto: Re: Mini Aventura   Seg 11 Fev 2019, 06:01



Mini-Aventura




Os fúlgidos raios solares iluminavam toda Shells Town sem receberem a intervenção de nuvens. Sobre as casas da cidade, volitou uma revoada de pássaros que abandonou um acervo de penas alvas, as quais paulatinamente ruíram pelo céu. Uma delas foi levada pelo zéfiro matinal, aterrissando numa rua ladrilhada qualquer do burgo segundos antes de ser pisada pelos passos resolutos de um rapaz sonhador. Era um garoto determinado a dar prosseguimento à história iniciada pelo seu pai. Para isso, precisava saciar a necessidade de obter uma lança e, claro, nenhum local melhor para adquiri-la que uma loja de armas.

A Thompson's Weapons é, de longe, uma das mais renomadas de Shells Town nesse quesito, estando localizada no extremo norte da ilha próxima à Awa's Shells. Trata-se de uma cabana de dois andares, construída majoritariamente à base de madeira, com uma dupla de janelas de vidro no pavimento inferior e uma central no superior. Há uma grande placa informativa em formato retangular entre os pisos, indicando, num letreiro pintado a mão em tinta preta, o nome do estabelecimento.

Chegando lá, Feared passou pela entrada principal, uma porta singela atrelada a um mecanismo trivial de campainha, de modo que, ao abri-la, um pequeno sino dourado badalou, prenunciando a entrada de um novo cliente. O interior do estabelecimento é bem mais sofisticado que sua fachada. Seus quatro cantos são dotados de adornos e ornamentos, como tapetes sofisticados estendidos, quadros artesanais, vasos de porcelana e, até mesmo, peças de ouro e prata. No teto, há um grande lustre medial, cuja iluminação, partindo de cinco lâmpadas em anel, é suficiente para aclarar todo o recinto. Ao fundo, dois degraus separam um tablado onde está localizado o balcão do vendedor. O acesso é único, somente por uma pequena porta dupla à direita. Atrás, há uma série de armas presas à parede, as quais estão protegidas por uma vidraça resistente encadeada. Espadas, soqueiras, pistolas e, claro, lanças. Ali estavam as mais belas, mas não representavam as únicas à venda, uma vez que uma porta à esquerda revela um depósito em que as demais poderiam ser encontradas.

– Bem-vindo! – Comentou alacremente Thompson assim que notou a chegada de Feared. Ele é um homem negro alto, dotado de um físico bastante avantajado. Possui um lustrado crânio careca, senão por um cavanhaque marcante. Devido o balcão, apenas é possível vislumbrá-lo do estômago para cima, ainda que o bastante para contemplar seus músculos proeminentes e acentuados na blusa branca de malha fina. Apesar da aparência intimidadora, ele recebeu Feared com um sorriso no rosto, empolgado com a possibilidade de mais uma venda. – Claro, claro. Tenho todo o tipo de armas. Vejamos... – Após assentir com um meneio positivo com sua cabeça, o homem caminhou até o armazém do fundo. De lá, o garoto era capaz de ouvir os ruídos de metais abalroando e caixotes sendo remexidos. – Para o seu tamanho... Creio que esta deve servir. – A voz do homem estava bochornosa em decorrência da distância, mas ainda era audível. Ele parecia dispor de muito empenho e dedicação em assegurar a arma perfeita ao cliente.

Pouco depois de seu último comentário, Thompson retornou da sala penumbrosa, trazendo consigo algumas nódoas de poeira na camisa nívea, principalmente na região dos ombros. Ele, entretanto, não pareceu ligar, mostrando muito mais interesse no equipamento que trouxe na mão direita. Era uma lança não tão longa, com cerca de dois metros de altura, realmente consentânea com a estatura de Feared. Seu cabo, embora amadeirado, detinha um brilho ébano apolínico, contrastando detalhes negroides por todo seu esqueleto. A ponta era de uma liga férrea, não muito brilhante como aço, mas aparentava ter um gume muito afiado, não apenas no vértice, como no fio. Ela detinha um mero atavio na extremidade oposta, constituído por cordéis rubros, similar à crista equina.

– Que tal? São trinta mil berries. – Alçou as sobrancelhas em tom sugestivo, entregando-a a Feared para que ele pudesse ver suas nuances. A vistoria não durou muito tempo, sendo sucedida por uma dúvida quanto a uma espécie de suporte para a arma. – Nossa... Agora que disse... Eu particularmente não possuo. Você foi o primeiro a solicitar uma na verdade. – Com a mão no mento, o homem ergueu o olhar pensativo, como se estivesse analisando a possibilidade de implementar o utensílio para venda.

Feared parecia convicto que iria comprá-la após examinar os detalhes da lança. Ela não era a melhor possível, evidentemente, mas certamente eficiente para que ele pudesse começar a trilhar os seus passos. O menino, então, enfiou as mãos nos bolsos e, subitamente, levou-a até o balcão, provocando um baque surdo concomitante a um estampido metálico. Assim que tirou a palma, entretanto, para a sua surpresa - e o desencanto de Thompson, não havia dinheiro algum ali, mas sim duas tampinhas de refresco amassadas.

– O-O que!? – O vendedor teve um sobressalto, combalindo o maxilar incrédulo com a situação. Os braços, outrora cruzados, se ergueram antes de abalroarem contra o balcão de madeira, fazendo ambas as tampinha saltarem. Uma, inclusive, foi direto ao chão, próxima ao pé de Feared. – Está de sacanagem comigo, garoto!? – De glabela crispada, Thompson encarou severamente o menino, desacreditando em sua ousadia em enganá-lo. Então, num rápido movimento, pegou a lança e a puxou da mão de Feared, reavendo-a. – Saia daqui já! – Ordenou colericamente, apontando para a saída com o indicador da mão livre.

O que tinha acontecido afinal? Feared perdeu seu dinheiro no caminho, foi roubado ou simplesmente o esqueceu em casa? Independentemente da resposta para essa dúvida bastante pertinente, ele certamente não conseguiria se explicar para Thompson. Expulso da melhor loja de armas da cidade, o que o garoto faria para que pudesse arranjar uma lança?

Dicas e Instruções:
 


____________________________________________________



Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Mini Aventura   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Mini Aventura
Voltar ao Topo 
Página 1 de 3Ir à página : 1, 2, 3  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
A Grande era dos Piratas :: Personagem e Mundo :: Mini-Aventura :: Mini-Aventuras Concluídas ou Canceladas !-
Ir para: