A Grande era dos Piratas



 
FAQCalendárioInícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» [SUGESTÃO] Cores de Texto
por GM.Furry Men Ter 12 Dez 2017, 12:23

» [M.E.P] Maahes
por Agnes Ikov Seg 11 Dez 2017, 00:20

» [M.E.P] Chinatsu
por Agnes Ikov Dom 10 Dez 2017, 21:55

» [M.E.P] TheGamerBr
por Agnes Ikov Dom 10 Dez 2017, 21:53

» M.E.P - Black
por Agnes Ikov Dom 10 Dez 2017, 16:26

» Convocação Pirata East blue
por Alencar Qui 07 Dez 2017, 18:15

» MEP - Vegetor
por GM.Mephisto Qui 07 Dez 2017, 17:59

» Ausência
por Zuzu Hijra Qui 07 Dez 2017, 15:25

» [M.E.P] Primo Ryu
por GM.Mephisto Qui 07 Dez 2017, 01:21

» [M.E.P.] flmdrs13
por Jinne Qui 07 Dez 2017, 00:29

» [M.E.P.] Gamby-Chan
por Jinne Qui 07 Dez 2017, 00:27

» [M.E.P] Ruko
por Jinne Ter 05 Dez 2017, 09:52

» Apresentando
por Vincent Arkaryas Ter 05 Dez 2017, 04:53

» Área /troll do Tsuru e do MUNDO ! \o/ .. By Rigel, no reclamations!
por Sylvanas Seg 04 Dez 2017, 18:18

» [M.E.P] Gallore Strange
por GM.Mephisto Dom 03 Dez 2017, 11:15

» [M.E.P] Yumeko Menma
por Yumeko Menma Dom 03 Dez 2017, 01:10

» [M.E.P.] - Lucius
por Jinne Sab 02 Dez 2017, 08:11

» [M.E.P.] - Fanalis Ria
por Jinne Sex 01 Dez 2017, 16:45

» [M.E.P.] - Yuji
por GM.Kerigus Qua 29 Nov 2017, 18:40

» [M.E.P.] - DK
por GM.Kerigus Qua 29 Nov 2017, 18:38

Facebook

------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG


http://www.heroisdoolimporpg.com/


Compartilhe | 
 

 NPC || "The Circus" O Bando Circense

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Sylvanas
Narrador
Narrador
avatar

Créditos : 7
Warn :
Masculino Data de inscrição : 04/05/2013
Idade : 99
Localização : Elbaf

MensagemAssunto: NPC || "The Circus" O Bando Circense    Sex 29 Set 2017, 17:12

História do Bando

- Uhuhihihihahaha - A risada do capitão Clown foi o início de tudo. Depois de um efeito colateral mutante em seu corpo por conta da droga da felicidade em Terralegre, além de sentir os efeitos normais da droga, o palhaço também teve alterações sérias em seu modo de ver o mundo. A marinha só veio a ter conhecimento da existência de seu bando após os ataques começarem, de acordo com os poucos sobreviventes dos ataques, seu bando sempre chega anunciando um grande espetáculo, como se fossem realmente um circo. Música, risadas e fogos de artifícios anunciam a chegada do bando Pirata, que após algum tempo começam o verdadeiro show. Uma carnificina generalizada, com explosões, destruição e muito sangue para todos os lados. De acordo com um dos sobreviventes, um estranho caso de ataque veio antes do circo dizimar outro bando pirata que tentava destruir um Quartel General da marinha alegando que "Estavam roubando a platéia deles". Com seu grande poder destrutivo, o bando já realizou feitos como destruição inteira de vilas e quartéis pequenos além de matança de grande parte populações dos locais por onde passaram, mas estranhamente, poucas são as vezes que roubam dinheiro ou jóias.


Nome/Alcunha: Clown "O Palhaço Louco"
Level: 3
Base de stats: Acerto, Esquiva e Dano
Akuma no Mi: -X-
Tipo: -X-
Estilo de Combate:
Gatuno Louco:
 
Grupo: Pirata
Recompensa/Fama: 40.000.000
História: Pouco se sabe da vida de Clown antes dele ter se tornado "O Palhaço Louco", pessoas que viviam em Terralegre na época em que tudo ocorreu narram a história do seguinte modo: Clown era um palhaço "comum" que viajava com seu navio de atrações pela Grand Line tentando ganhar fama e dinheiro com seus shows e espetáculos. O preferido da platéia era sempre o palhaço, que fechava o grande espetáculo tirando gargalhadas do público. Um dia, porém, ao chegarem em Terralegre sem saber a onde estavam se metendo, o circo se viu em um grande problema, o público era no mínimo "difícil". Tentando se adaptar ao novo estilo do público, os participantes todos usaram a droga da felicidade antes de um show. Tudo se tornou mais alegre, as piadas ficaram mais engraçadas, todo o público estava se divertindo, até a hora do palhaço. Não se sabe muito sobre o incidente pois o único sobrevivente foi o próprio Clown. O palhaço que até agora vinha recusando usar a tal droga, vendo a felicidade em que todo o público se encontrava ao usa-la, decidiu experimentar, acontece que os efeitos tiveram uma mutação gravíssima, fazendo com que Clown não sentisse mais felicidade em suas piadas ou na risada do público, ou em seus fogos de artificio. O que ele achava graça agora era no sangue jorrando de suas vítimas, nos seus gritos apavorados, e nas explosões de suas novas bombas que destruíam tudo que encontravam. Além de sua própria risada sádica é claro, que estava presente em todos os assassinatos. Clown, após ter assassinado todos os que estavam dentro da lona do circo, incluindo seus ex-companheiros, usando duas adagas do atirador de facas do antigo circo agora se via em um paraíso para seu novo vício, matar. Somente depois de dias de matança generalizada, é que o palhaço foi expulso da ilha pelos moradores enfurecidos. Clown agora tinha um novo sonho, o de levar o seu novo "espetáculo" a todas as ilhas da Grand Line, para isso ele recrutou "pessoas" que pensavam igual a ele para que juntos eles pudessem fazer o melhor "show" que a ilha visitada tenha visto em sua história.

Clown tem uma personalidade completamente bipolar, fala consigo mesmo e geralmente só se dirige aos seus companheiros para dar ordens, raramente tem uma conversa com eles. Sua risada estridente é acompanhamento de todos os seus golpes, adora explosões, já que em sua mente elas se tornam totalmente coloridas. Ele não tem nenhuma ligação com a realidade, para ele tudo não passa de uma grande piada sem sentido, mas engraçada. O palhaço também adora fazer um jogo, ao final de uma luta se ele estiver ganhando e seu oponente, muito ferido, ele conta uma de suas piadas sem sentido, se o seu oponente rir, ele poupa a sua vida, se não rir ele morre do pior jeito possível, a marinha sabe disso pois uma única pessoa riu de sua piada, e era outro palhaço louco.

Localização:  6° rota - Emeigh
Criador: Sylvanas



Nome/Alcunha: Toura "A Carniceira"
Level: 3
Base de stats: Bloqueio, Acerto e Dano
Akuma no Mi: -X-
Tipo: -X-
Estilo de Combate:
Cutelo Carniceiro:
 
Grupo: Pirata
Recompensa/Fama: 15.000.000
História: Se Clown é pouco conhecido pela marinha, Toura então é totalmente misteriosa. Alguns informantes dizem que ela é um monstro que conseguiu fugir de Berlinque junto com Clown, outros dizem que ela somente nasceu lá, mas não é um monstro. Uma lenda de Berlinque conta de sua mãe era uma grande e famosa marinheira humana, que teve uma relação com um Mink pirata, acontece que durante o parto que aconteceu secretamente na ilha amaldiçoada, a mãe de Toura morreu pois os chifres da Mink estavam super desenvolvidos e dilaceraram a mãe durante a gestação. Ela cresceu então criada pelos próprios monstros da ilha, e por isso além da aparência inumana, não possui empatia nem sentimentos profundos com os outros. Clown achou a jovem muito interessante quando lutou contra ela em um dos pântanos da ilha, depois de derrota-la, ele a chamou para ser uma das atrações do seu espetáculo. Atraída pelas palavras de Clown, a jovem aceitou a proposta e desde então os dois piratas vem aterrorizando cada ilha que passam.

A Mink não tem uma personalidade muito forte, além de falar errado por não ter sido educada e ainda estar aprendendo o idioma, ela é a cozinheira do bando, dizem que ela cozinha as próprias vitimas do bando em um caldeirão, as cortando ainda vivas com seu cutelo gigante. Um relato de um Sargento da marinha contou sobre uma vez em que a Mink estava prestes a morrer, mas algo aconteceu, e ela se transformou em uma espécie de monstro no ultimo segundo, seus chifres cresceram, seus olhos ficaram negros e seus músculos dobraram de tamanho, depois daquilo o seu cutelo era usado com tamanha maestria que parecia nem mesmo ter peso algum. O sargento conseguiu fugir do local graças a um capitão que derrotou o monstro. O capitão relatou que possivelmente aquilo era somente a liberação dos instintos de sobrevivência que ela adquiriu em Berlinque, mas aquilo ainda continua sendo um mistério para todos. Ela é considerada o braço direito do palhaço. 
Localização:  6° rota - Emeigh
Criador: Sylvanas



Nome/Alcunha: Morgh "A Coisa"
Level: 3
Base de stats: Bloqueio, Resistência e Dano
Akuma no Mi: -X-
Tipo: -X-
Estilo de Combate: Bárbaro
Grupo: Pirata
Recompensa/Fama: 25.000.000
História: Morgh já era um velho conhecido da Marinha, um gigante de dez metros de altura e com uma aparência assustadora que vivia viajando de Ilha em Ilha procurando alguém que até hoje a marinha não sabe quem é. Seus atos incluem destruição de residências, roubo de cargas, gado e sequestro de tritões. A marinha acha que ele sequestra tritões por pensar que são peixes, pois na maioria das vezes são encontrados somente os ossos das vítimas perto de fogueiras. Morgh começa a causar problemas somente por andar, de acordo com relatos, o gigante é tão burro que não olha por onde anda e acaba sempre destruindo vilas inteiras em suas caminhadas matinais. Mas até ai ele não era um problema tão grande, o verdadeiro problema começou quando Clown botou suas mãos diabólicas na mente do gigante.

Depois de ter contato com o gigante, Clown conseguiu enfiar na mente do monstro que ele era seu escravo e que por isso deveria obedecer as suas ordens. A marinha acha que o gigante só o obedece por medo da aparência de Clown, depois que ele começou a andar com o palhaço, começou a praticar três vezes mais crimes que antes, e desta vez sua força era bem usada, quartéis foram esmagados e vilas pisoteadas de propósito, por ordens de Clown. A burrice do gigante é tanta que a única palavra que ele sabe dizer são variações e outros tons de seu próprio nome "Morgh". Depois de alguns crimes, o gigante recebeu um presente do palhaço, uma clava gigantesca roubada de um túmulo de um guerreiro de Elbaf, junto com a clava Morgh virou uma verdadeira arma de guerra contra pessoas menores que ele. Além de todas as outras torturas que o palhaço já fez com o gigante, uma das piores foi a que ele pregou uma vitrola nas costas do gigante, então, sempre que chegam a uma nova vila ou ilha, o gigante anuncia a chegada do circo com uma música tristonha de circo que vem de suas costas.

Ninguém sabe disso, mas "Morgh" não é o verdadeiro nome do gigante mas sim é o nome da pessoa que ele procura, um velho amigo de infância que prometeu o ajudar quando ele estivesse com problemas. Morgh é um guerreiro meio-gigante que vive em uma floresta escondida em Emeigh. O Gigante não tem muita personalidade, é mais parecido com um cachorro obediente, não quer fazer o mal, mas também não liga de faze-lo.

Localização:  6° rota - Emeigh
Criador: Sylvanas


Nome/Alcunha: Rat "O Mágico"
Level: 3
Base de stats: Manipulação, Esquiva e Pontaria
Akuma no Mi:
Hatto Hatto no mi:
 
Tipo: Paramecia
Estilo de Combate: Atirador
Grupo: Pirata
Recompensa/Fama: 35.000.000
História: Rat assim como Clown também já fora famoso pelas suas habilidades circenses, no começo era somente uma brincadeira para passar o tempo, tirar o coelho da cartola era seu truque preferido para impressionar o público, controlar animais era seu forte, um de seus outros truques mais famoso era o de atingir uma maçã na cabeça de um coelho pulando com uma espingarda. Depois de se aprimorar em mágicas simples, o Mink começou a mergulhar nos livros de ocultismo, ele buscava de qualquer modo um tipo de magia real que não fosse somente um truque, mas sim fosse magia de verdade. Depois de anos, Rat pensou em desistir até que conheceu o palhaço que ofereceu a ele um modo fácil de fazer magia. Uma Akuma no Mi do tipo Paramecia, Clown a deu para o Mink com uma condição: Rat teria que entrar para seu bando. É claro que o mágico aceitou, e viu em instantes seus truques virando realidade, aquilo o encheu de loucura e felicidade e depois disso ele nunca mais foi o mesmo, sua gratidão com Clown é imensa.  

Depois de se juntar ao Bando Circense, Rat começou a usar seus poderes para o mal, invocando criaturas poderosíssimas para destruir cidades e o ajudar nas lutas, ele foi considerado como uma grande ameaça para a Marinha, já que depois de invocadas, as criaturas não podem voltar ao chapéu, todas elas tinham de ser sacrificadas após estarem exaustas por lutarem pelo Mink, ele é claro, nunca sentiu remorso por isso.

Rat possui dois Pets acompanhantes, um deles é um Elefante de Guerra que ele usa para se locomover, e o outro é um coelho lutador que ele invocou por acidente e se afeiçoou, assim, ficando com ele e o treinando para lutar. Um golpe famoso do mágico agora, é jogar uma cartola em seus oponentes, assim quando a cartola chega perto o coelho lutador salta dela tentando chutar o adversário.

Coelho:
 

Elefante:
 

Rat apesar de ser louco, é o mais sensato do bando mas também o mais covarde. Por isso sempre que algo da errado ele é o primeiro a fugir por um chapéu junto com seu coelho, seu Elefante geralmente é a segunda atração principal, já que logo atrás dele sempre vem o gigante do bando. O Mink usa uma espingarda para ferir seus inimigos, e raramente quando alguém chega muito perto, ele usa suas garras e dentes.

Localização:  6° rota - Emeigh
Criador: Sylvanas

Bandeira:
 


Navio:
 




____________________________________________________

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
GM.Furry Men
Game Master
Game Master
avatar

Créditos : 33
Warn :
Masculino Data de inscrição : 27/03/2015
Idade : 25

MensagemAssunto: Re: NPC || "The Circus" O Bando Circense    Ter 03 Out 2017, 15:56

Negado.

Gigante: Muda a parte do cara ta em uma floresta de Eimegh, pois é uma ilha rochosa. Planaltos e montanhas.

Chapeleiro: Talvez seria bom limitar o poder dele em tirar o que ele ja colocou na cartola e não de poder simplesmente invocar qualquer coisa. Talvez objetos possa ser assim, mas criaturas não, então teria que adaptar um pouco a história dele pra voltar a condizer com essa modificação.

Chifruda: Fiquei meio assim com a parte dela se transformar em um monstro, mas tem em um non-canon um cara com um braço feral então vou liberar, mas veja se quer acrescer algo pra se dar a entender melhor o que ocorre ou se é apenas Fúria.

____________________________________________________

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sylvanas
Narrador
Narrador
avatar

Créditos : 7
Warn :
Masculino Data de inscrição : 04/05/2013
Idade : 99
Localização : Elbaf

MensagemAssunto: Re: NPC || "The Circus" O Bando Circense    Qui 05 Out 2017, 18:24

História do Bando

- Uhuhihihihahaha - A risada do capitão Clown foi o início de tudo. Depois de um efeito colateral mutante em seu corpo por conta da droga da felicidade em Terralegre, além de sentir os efeitos normais da droga, o palhaço também teve alterações sérias em seu modo de ver o mundo. A marinha só veio a ter conhecimento da existência de seu bando após os ataques começarem, de acordo com os poucos sobreviventes dos ataques, seu bando sempre chega anunciando um grande espetáculo, como se fossem realmente um circo. Música, risadas e fogos de artifícios anunciam a chegada do bando Pirata, que após algum tempo começam o verdadeiro show. Uma carnificina generalizada, com explosões, destruição e muito sangue para todos os lados. De acordo com um dos sobreviventes, um estranho caso de ataque veio antes do circo dizimar outro bando pirata que tentava destruir um Quartel General da marinha alegando que "Estavam roubando a platéia deles". Com seu grande poder destrutivo, o bando já realizou feitos como destruição inteira de vilas e quartéis pequenos além de matança de grande parte populações dos locais por onde passaram, mas estranhamente, poucas são as vezes que roubam dinheiro ou jóias.

Nome/Alcunha: Clown "O Palhaço Louco"
Level: 3
Base de stats: Acerto, Esquiva e Dano
Akuma no Mi: -X-
Tipo: -X-
Estilo de Combate:
Gatuno Louco:
 
Grupo: Pirata
Recompensa/Fama: 40.000.000
História: Pouco se sabe da vida de Clown antes dele ter se tornado "O Palhaço Louco", pessoas que viviam em Terralegre na época em que tudo ocorreu narram a história do seguinte modo: Clown era um palhaço "comum" que viajava com seu navio de atrações pela Grand Line tentando ganhar fama e dinheiro com seus shows e espetáculos. O preferido da platéia era sempre o palhaço, que fechava o grande espetáculo tirando gargalhadas do público. Um dia, porém, ao chegarem em Terralegre sem saber a onde estavam se metendo, o circo se viu em um grande problema, o público era no mínimo "difícil". Tentando se adaptar ao novo estilo do público, os participantes todos usaram a droga da felicidade antes de um show. Tudo se tornou mais alegre, as piadas ficaram mais engraçadas, todo o público estava se divertindo, até a hora do palhaço. Não se sabe muito sobre o incidente pois o único sobrevivente foi o próprio Clown. O palhaço que até agora vinha recusando usar a tal droga, vendo a felicidade em que todo o público se encontrava ao usa-la, decidiu experimentar, acontece que os efeitos tiveram uma mutação gravíssima, fazendo com que Clown não sentisse mais felicidade em suas piadas ou na risada do público, ou em seus fogos de artificio. O que ele achava graça agora era no sangue jorrando de suas vítimas, nos seus gritos apavorados, e nas explosões de suas novas bombas que destruíam tudo que encontravam. Além de sua própria risada sádica é claro, que estava presente em todos os assassinatos. Clown, após ter assassinado todos os que estavam dentro da lona do circo, incluindo seus ex-companheiros, usando duas adagas do atirador de facas do antigo circo agora se via em um paraíso para seu novo vício, matar. Somente depois de dias de matança generalizada, é que o palhaço foi expulso da ilha pelos moradores enfurecidos. Clown agora tinha um novo sonho, o de levar o seu novo "espetáculo" a todas as ilhas da Grand Line, para isso ele recrutou "pessoas" que pensavam igual a ele para que juntos eles pudessem fazer o melhor "show" que a ilha visitada tenha visto em sua história.

Clown tem uma personalidade completamente bipolar, fala consigo mesmo e geralmente só se dirige aos seus companheiros para dar ordens, raramente tem uma conversa com eles. Sua risada estridente é acompanhamento de todos os seus golpes, adora explosões, já que em sua mente elas se tornam totalmente coloridas. Ele não tem nenhuma ligação com a realidade, para ele tudo não passa de uma grande piada sem sentido, mas engraçada. O palhaço também adora fazer um jogo, ao final de uma luta se ele estiver ganhando e seu oponente, muito ferido, ele conta uma de suas piadas sem sentido, se o seu oponente rir, ele poupa a sua vida, se não rir ele morre do pior jeito possível, a marinha sabe disso pois uma única pessoa riu de sua piada, e era outro palhaço louco.

Localização:  6° rota - Emeigh
Criador: Sylvanas


Nome/Alcunha: Toura "A Carniceira"
Level: 3
Base de stats: Bloqueio, Acerto e Dano
Akuma no Mi: -X-
Tipo: -X-
Estilo de Combate:
Cutelo Carniceiro:
 
Grupo: Pirata
Recompensa/Fama: 15.000.000
História: Se Clown é pouco conhecido pela marinha, Toura então é totalmente misteriosa. Alguns informantes dizem que ela é um monstro que conseguiu fugir de Berlinque junto com Clown, outros dizem que ela somente nasceu lá, mas não é um monstro. Uma lenda de Berlinque conta de sua mãe era uma grande e famosa marinheira humana, que teve uma relação com um Mink pirata, acontece que durante o parto que aconteceu secretamente na ilha amaldiçoada, a mãe de Toura morreu pois os chifres da Mink estavam super desenvolvidos e dilaceraram a mãe durante a gestação. Ela cresceu então criada pelos próprios monstros da ilha, e por isso além da aparência inumana, não possui empatia nem sentimentos profundos com os outros. Clown achou a jovem muito interessante quando lutou contra ela em um dos pântanos da ilha, depois de derrota-la, ele a chamou para ser uma das atrações do seu espetáculo. Atraída pelas palavras de Clown, a jovem aceitou a proposta e desde então os dois piratas vem aterrorizando cada ilha que passam.

A Mink não tem uma personalidade muito forte, além de falar errado por não ter sido educada e ainda estar aprendendo o idioma, ela é a cozinheira do bando, dizem que ela cozinha as próprias vitimas do bando em um caldeirão, as cortando ainda vivas com seu cutelo gigante. Um relato de um Sargento da marinha contou sobre uma vez em que a Mink estava prestes a morrer, mas algo aconteceu, e ela se transformou em uma espécie de monstro no ultimo segundo, seus chifres cresceram, seus olhos ficaram negros e seus músculos dobraram de tamanho, depois daquilo o seu cutelo era usado com tamanha maestria que parecia nem mesmo ter peso algum. O sargento conseguiu fugir do local graças a um capitão que derrotou o monstro. O capitão relatou que possivelmente aquilo era somente a liberação dos instintos de sobrevivência que ela adquiriu em Berlinque, mas aquilo ainda continua sendo um mistério para todos. Ela é considerada o braço direito do palhaço. 
Localização:  6° rota - Emeigh
Criador: Sylvanas


Nome/Alcunha: Morgh "A Coisa"
Level: 3
Base de stats: Bloqueio, Resistência e Dano
Akuma no Mi: -X-
Tipo: -X-
Estilo de Combate: Bárbaro
Grupo: Pirata
Recompensa/Fama: 25.000.000
História: Morgh já era um velho conhecido da Marinha, um gigante de dez metros de altura e com uma aparência assustadora que vivia viajando de Ilha em Ilha procurando alguém que até hoje a marinha não sabe quem é. Seus atos incluem destruição de residências, roubo de cargas, gado e sequestro de tritões. A marinha acha que ele sequestra tritões por pensar que são peixes, pois na maioria das vezes são encontrados somente os ossos das vítimas perto de fogueiras. Morgh começa a causar problemas somente por andar, de acordo com relatos, o gigante é tão burro que não olha por onde anda e acaba sempre destruindo vilas inteiras em suas caminhadas matinais. Mas até ai ele não era um problema tão grande, o verdadeiro problema começou quando Clown botou suas mãos diabólicas na mente do gigante.

Depois de ter contato com o gigante, Clown conseguiu enfiar na mente do monstro que ele era seu escravo e que por isso deveria obedecer as suas ordens. A marinha acha que o gigante só o obedece por medo da aparência de Clown, depois que ele começou a andar com o palhaço, começou a praticar três vezes mais crimes que antes, e desta vez sua força era bem usada, quartéis foram esmagados e vilas pisoteadas de propósito, por ordens de Clown. A burrice do gigante é tanta que a única palavra que ele sabe dizer são variações e outros tons de seu próprio nome "Morgh". Depois de alguns crimes, o gigante recebeu um presente do palhaço, uma clava gigantesca roubada de um túmulo de um guerreiro de Elbaf, junto com a clava Morgh virou uma verdadeira arma de guerra contra pessoas menores que ele. Além de todas as outras torturas que o palhaço já fez com o gigante, uma das piores foi a que ele pregou uma vitrola nas costas do gigante, então, sempre que chegam a uma nova vila ou ilha, o gigante anuncia a chegada do circo com uma música tristonha de circo que vem de suas costas.

Ninguém sabe disso, mas "Morgh" não é o verdadeiro nome do gigante mas sim é o nome da pessoa que ele procura, um velho amigo de infância que prometeu o ajudar quando ele estivesse com problemas. Morgh é um outro guerreiro gigante que vive em uma caverna escondida em Emeigh. O Gigante não tem muita personalidade, é mais parecido com um cachorro obediente, não quer fazer o mal, mas também não liga de faze-lo.

Localização:  6° rota - Emeigh
Criador: Sylvanas

Nome/Alcunha: Rat "O Mágico"
Level: 3
Base de stats: Manipulação, Esquiva e Pontaria
Akuma no Mi:
Hatto Hatto no mi:
 
Tipo: Paramecia
Estilo de Combate: Atirador
Grupo: Pirata
Recompensa/Fama: 35.000.000
História: Rat assim como Clown também já fora famoso pelas suas habilidades circenses, no começo era somente uma brincadeira para passar o tempo, tirar o coelho da cartola era seu truque preferido para impressionar o público, controlar animais era seu forte, um de seus outros truques mais famoso era o de atingir uma maçã na cabeça de um coelho pulando com uma espingarda. Depois de se aprimorar em mágicas simples, o Mink começou a mergulhar nos livros de ocultismo, ele buscava de qualquer modo um tipo de magia real que não fosse somente um truque, mas sim fosse magia de verdade. Depois de anos, Rat pensou em desistir até que conheceu o palhaço que ofereceu a ele um modo fácil de fazer magia. Uma Akuma no Mi do tipo Paramecia, Clown a deu para o Mink com uma condição: Rat teria que entrar para seu bando. É claro que o mágico aceitou, e viu em instantes seus truques virando realidade, aquilo o encheu de loucura e felicidade e depois disso ele nunca mais foi o mesmo, sua gratidão com Clown é imensa.  

Depois de se juntar ao Bando Circense, Rat começou a usar seus poderes para o mal, tirando armas poderosíssimas do seu chapéu para destruir cidades e o ajudar nas lutas, ele foi considerado como uma grande ameaça para a Marinha já que tem um alto poder de destruição nas mãos.

Rat possui dois Pets acompanhantes, um deles é um Elefante de Guerra que ele usa para se locomover, e o outro é um coelho lutador que ele se afeiçoou depois de roubar o navio onde estão atualmente, assim, ficando com ele e o treinando para lutar. Um golpe famoso do mágico agora, é jogar uma cartola em seus oponentes, assim quando a cartola chega perto o coelho lutador salta dela tentando chutar o adversário.

Coelho:
 

Elefante:
 

Rat apesar de ser louco, é o mais sensato do bando e também o mais covarde. Por isso sempre que algo da errado ele é o primeiro a fugir por um chapéu junto com seu coelho, seu Elefante geralmente é a segunda atração principal, já que logo atrás dele sempre vem o gigante do bando. O Mink usa uma espingarda para ferir seus inimigos além das outras armas que retira do chapéu, e raramente quando alguém chega muito perto, ele usa suas garras e dentes.

Apesar de ter uma poderosa Akuma no mi, Rat é um tanto inocente quanto ao seu próprio poder, já aconteceu de no meio de uma luta contra um Tenente, o pirata ter anunciado uma grande e feroz criatura que ele havia conseguido colocar dentro do seu chapéu. O problema foi que ao retirar a criatura do chapéu, ela estava morta pois o pirata havia esquecido de alimenta-la.


Localização:  6° rota - Emeigh
Criador: Sylvanas

Bandeira:
 


Navio:
 

P.s:
 

____________________________________________________

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
GM.Furry Men
Game Master
Game Master
avatar

Créditos : 33
Warn :
Masculino Data de inscrição : 27/03/2015
Idade : 25

MensagemAssunto: Re: NPC || "The Circus" O Bando Circense    Seg 09 Out 2017, 13:35

Aprovado.

Movido, bloqueado, Link do bando adicionado na ilha em questão.

____________________________________________________

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: NPC || "The Circus" O Bando Circense    

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
NPC || "The Circus" O Bando Circense
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Meu Bando!! \o/
» Bando de pau no cu noobs
» Bando das garotas
» Tomaa Chelseaa Bando de cornos ! CORINTHIANS BI-CAMPEÃO !!!
» [OP Awards] Kit - Ranks ( Alice Baskerville - Bando Sickle At Sea )

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
A Grande era dos Piratas :: Personagem e Mundo :: NPC's Aprovados-
Ir para: