A Grande era dos Piratas



 
FAQCalendárioInícioBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» [Mini - crawling] SUNSET
por crawling Ontem à(s) 23:34

» Noelle Eisenhower
por Noelle Ontem à(s) 22:30

» Zed
por Doodles Ontem à(s) 18:37

» [MINI - rhsdc3] O homem mais forte do mundo!
por rhsdc3 Ontem à(s) 12:20

» [MINI-Jovee] As rédeas da Justiça
por Jovee Ontem à(s) 08:27

» Kyo Full Buster
por Kyo Ontem à(s) 01:01

» [MINI-MUGETSU] Ascensão
por Mugetsu. Dom 14 Out 2018, 23:01

» [MINI- SagitaryBR] A Busca Por Aventuras
por SagitaryBR Dom 14 Out 2018, 22:34

» [MINI-AMÉLIO] Aventura Miaustica
por Galaxy Dante Dom 14 Out 2018, 21:02

» M.E.P Werneckinn
por Galaxy Dante Dom 14 Out 2018, 20:59

» Shimizu Raiden
por ADM.Bowel Dom 14 Out 2018, 17:15

» [M.E.P. - SagitaryBR]
por Galaxy Dante Dom 14 Out 2018, 06:31

» Mini Aventura Madrinckjr = As aventuras de um Espadachim sem piedade
por Galaxy Dante Dom 14 Out 2018, 06:29

» Buki Bijin
por Bijin Sab 13 Out 2018, 22:19

» Kit - Cubinho
por Mizzu Sab 13 Out 2018, 13:39

» [MINI - Nicklaus D. Yrick] O despertar da Fera
por ynfinity Sab 13 Out 2018, 01:43

» MINI - Aventura Skylodd
por Bread Sex 12 Out 2018, 23:57

» MINI - Aventura Skylodd
por Bread Sex 12 Out 2018, 23:52

» [MINI - Kijartan] Anjo do Mar
por Bread Sex 12 Out 2018, 23:04

» [Kit - Sesshomaru]
por Mizzu Sex 12 Out 2018, 21:41

Facebook

------------
- NOSSO BANNER-

------------

Naruto AkatsukiPokémon Mythology RPG


Conheça o Fórum NS


Compartilhe | 
 

 Buki Bijin

Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2, 3, 4, 5  Seguinte
AutorMensagem
Buggy
Coringa
Coringa
avatar

Créditos : 16
Warn :
Masculino Data de inscrição : 30/07/2015
Idade : 20

MensagemAssunto: Buki Bijin   Qui 26 Jan 2017, 16:12

~ PESSOAL ~


Nome: Buki "A Louca" Bijin
Idade: 16
Altura: 1,65m Normal
Peso: 60 Kg
Mão predominante: Ambidestra
Sexo: Feminino
Raça: Humana
Tamanho/Espécie: Normal
Origem: Conomi Island
Localização: 1° Ilha – 7° Rota - Cactus Island
Grupo: Pirata


~ ATRIBUTOS ~


(Começa com 10 pontos, BÔNUS RACIAL EM AZUL E BÔNUS DE EDC EM VERMELHO)

LEVEL: 4
EXP: 85/120
BERRIES: 8.745.000

HP: 458
SP: 156

DANO: 17 (+12 Arma) +12 (Híbrido) (+8 Completo)Habilidoso
ACERTO: 29 + 3 + 12 +12 (Híbrido) (+12 Completo) Especialista
PONTARIA: 16 (Bonus) Habilidoso
ESQUIVA: 27 + 3 + 12 +8 (Híbrido) (+12 Completo)Especialista
BLOQUEIO: 14 (Bonus) Habilidoso
RESISTÊNCIA:1 Normal
PERSISTÊNCIA: 2 + 2 Normal
MANIPULAÇÃO: 9 + 2 Habilidoso
VELOCIDADE DE ATAQUE: 3

KENBUN-SHOKU HAKI

Citação :
LEVEL: -X-
EXP DO PODER: 000/050
BUSOU-SHOKU HAKI

Citação :
LEVEL: -X-
EXP DO PODER: 000/050

~ ESTILOS DE COMBATE ~

Citação :
• Estilo de Combate: Crazy Barbarian Fight
Detalhamento: A luta de um bárbaro é baseada na força, solidez e agressividade, Entretanto Buki Bijin não se ateve ao conceito básico bárbaro e desenvolveu um estilo próprio usando velocidade e precisão no lugar do tradicional estilo. Além disso Bijin é uma acrobata, o que fez adaptar ainda mais seu estilo golpeando em meio a piruetas, mortais e saltos, dificultando ainda mais o acerto e a previsibilidade do golpe. E como desde pequena a Louca era uma valente brigona, e tem conhecimento básico de luta, ela se utilizou do uso da perna para chutes simples em sua especialização.  
Atributos:+3 esquiva, +3 acerto a cada level
LEVEL DE COMBATE: 3
EXP DE ESTILO: ~PRIMÁRIO NÃO POSSUI EXP~

~ Perícias ~
Citação :

Acrobacia: você pode equilibrar-se em pequenas superfícies, andar sobre cordas, fazer malabarismo, saltos mortais, etc.
Luta de Rua: Você consegue lutar o estilo mais comum. Sem regras e posturas, apenas mãos, braços, pernas, pés, cabeça e tudo o que você puder utilizar de seu próprio corpo para causar dano ao inimigo e manter-se vivo. Lembre-se, nas ruas, o que importa é sobreviver.
Sedução: você sabe fingir sentimentos românticos com relação à vítima além de conseguir ser sensual e atrativo. É como lábia e intimidação, mas utiliza a sensualidade.
Forja:você sabe forjar e moldar novas armas brancas a partir do metal e muito trabalho.
Engenharia: você sabe construir (mas não consertar) máquinas e armas de fogo.
Mecânica: você sabe consertar (mas não construir) máquinas e armas.
Física: Você tem pleno conhecimento das forças e leis naturais que regem o universo.

~ Ofícios ~
Citação :
• Ferreiro
• -X-
• -X-
• -X-
• -X-
• -X-

~ FAMA & REPUTAÇÃO ~

Photoplayer:
imagem:
 
Alcunha: A Louca
Recompensa:  25.500.000
Citação :
LINK DOS JORNAIS:

Seagull Newspaper - Acontecimento em Conomi Island, East Blue

Seagull Newspaper - Acontecimento em Loguetown, East Blue

Seagull Newspaper - Acontecimento em 7° Rota ~ Cactus Island, Grand Line

~ AKUMA NO MI ~

Citação :
Tori Tori no Mi - Model Eagle:
 
Level: 1
EXP: 6/20

~ EQUIPAMENTOS ~


• ARMA(S)
-Nome: Martelo de Guerra
Bônus:
Dano: 2
Requerimentos:
Custo: 30.000

• CABEÇA
-Nome: -x-
Bônus: -x-
Requerimento: -x-
Custo: -x-

• TRONCO
-Nome: -x-
Bônus: -x-
Requerimento: -x-
Custo: -x-

• BRAÇOS
-Nome: -x-
Bônus: -x-
Requerimento: -x-
Custo: -x-

• MÃOS
-Nome: -x-
Bônus: -x-
Requerimento: -x-
Custo: -x-

• PERNAS
-Nome: -x-
Bônus: -x-
Requerimento: -x-
Custo: -x-

• PÉS
-Nome: -x-
Bônus: -x-
Requerimento: -x-
Custo: -x-

~ INVENTÁRIO~

● 1 casacos de frio azul - OK
●  7 matéria prima para forjar
● Rifle (level1)
● 2 Garrafas de vinho (Uma delas com 8 doses já usadas)
● Fantasia comprada.
Spoiler:
 
(MÁXIMO DE 10W)

~ EMBARCAÇÕES ~

Nome:
Tipo:
Descrição:
Velocidade:
Número de tripulantes máximos acomodados:
Lotação máxima no transporte:
Número de ilhas sem precisar reabastecer:
HP:
Canhões:

~ TÉCNICAS ~

Counterattack:
 
Crazy Sky Attack:
 

Crazy Clyclone Attack:
 

Crazy Dragon's Hammer:
 

• -X-

~ TÉCNICAS SUPREMAS~

Crazy Queen Attack:
 

• -X-

~ ~ TÉCNICAS DE AKUMA NO MI ~~

Crazy eagle speed:
 

Crazy Meteor Attack:
 

~ EXTRAS ~


APARÊNCIA: Bijin não é uma garota alta, mas esta na média humana, tem seus 1,65 metros. Mas se destaca na beleza em relação as demais meninas. Corpo bem definido e com uma boa parte a mostra, Bijin geralmente é uma garota desejada. Sua pele clara e cabelos brancos com mexas coloridas, azul na direita e vermelho na esqueda ajudam a jovem se destacar ainda mais. A forte maquiagem e seu micro shorts chegam para dar um toque final, seria quase uma garota dada se não fosse o intimidante bastão que ela carrega para cima e para baixo com ela.

PERSONALIDADE: Fora do normal. Após sofrer um grande trauma na infância, Bijin nunca mais foi normal e após seu surto de violência e ser conhecida como “A Louca” resolveu assumir sua insanidade. Por isso mesmo sendo um gênio, faz coisas de certa maneira infantis ou desprovidas de bom senso. Diferente de mulheres recatadas ou que se comportam como dama, Bijin brinca com os homens usando os dons que Deus lhe deu e curti a cada instante o papel de louca que lhe foi dada, entretanto quando se apaixona se entrega de corpo e alma. Gosta de rir, mas não se importa se os outros estão se divertindo, mas leva seus amigos a sério e quer ver todos felizes. Gosta de lutar e realmente não importa se vai se machucar, principalmente se vê que sua honra ou dignidade esta sendo ferida, ela também tem baixa tolerância quando se trata de ferir a honra do grupo do qual ela pertence. Bijin vive o presente e se possível com maior intensidade possível.

HISTÓRIA:  

História de Buki, a Louca Bijin

1. Nascimento

  Meu nome é Bijin, da família Buki, uma família tradicional da ilha de Conomi ligada ao trabalho de ferreiros. Meu pai, Jaat, era o grande mestre nessa área, nas duas cidades que haviam na ilha, ninguém era melhor que ele. Minha mãe se chamava Xun, veio de uma família de agricultores, casar com meu pai para ela era sair daquela vida, pois não queria passar sua vida colhendo laranjas, como sua mãe ou sua avó.

  Meu pai tinha uma situação financeira confortável e como minha mãe não precisava trabalhar acabei sendo planejada para logo no início do matrimônio deles. Nasci quando meus pais não tinham menos de três anos de casados. Familiares ficaram muito contentes e logo fizeram uma grande festa para homenagear a família.

  Dizem que eu era muito linda, desde bebê, por isso recebi o nome de Bijin, que significa mulher linda, portanto passei a ser conhecida como Buki (arma) Bijin. E até onde ser recebi muito amor e carinho de todos a minha volta.

2. Infância

  Não lembro muito dos meus três primeiros anos, a memória mais distantes que tenho são de meus pais, familiares e uma amiguinha, seu nome era Nami, minha vizinha, brincávamos de tudo e logo eramos mais chegadas que irmãs de sangue.

  Depois dela fui fazendo amizade com outros amigos na rua e logo a turminha foi ficando grande e nos divertíamos muito com os mais diversos tipos de brincadeiras. Foi nesse momento que conhecemos o senhor Hitori, um músico aposentado que viajou por todo o mar cantando em muitos lugares no mundo.

  Suas histórias nos preenchiam nossas vidas com um colorido, um sabor ou uma visão de que não poderíamos ficar em nossa ilha para sempre, queríamos cada dia mais histórias e nos preparávamos para ir ao mar um dia. Claro que nossos preparos eram construir espadas de papelão ou subir em uma árvore como se estivéssemos escalados os mais altos montes do mundo.

  Uma das coisas mais engraçadas na época era que o filho do senhor Hitori, o meu amigo Shun, era que ele já era apaixonadinho por mim, ele chegou a compor uma música. Eu e a Nami rimos muito daquilo, mas era fofo demais. Talvez tenha sido o único que realmente gostava de mim por ser quem eu sou e não minha beleza.

3. Tritões

  Posso falar que todos nós eramos muito felizes naquele tempo, mas a felicidade é uma ilusão passageira e a vida entra logo nos mostrando o quão violento ela pode ser. Eu tinha dez anos quando os tritões invadiram a ilha.

  Dos meus amigos na rua, pelo menos três deles foram mortos com suas famílias por aqueles malditos peixes. Isso me irritava muito, mas não era nem se que o início dos meus problemas, pois logo a nossa família foi muito prejudicada.

  Meu pai por ser um excelente ferreiro, os tritões que haviam proibido o uso de armas por parte dos humanos acabou com o serviço de meu pai, mas depois chegaram em casa com o Arthur, um tritão lula, que iria aprender o ofício de ferreiro com meu pai e supervisionar o serviço dele. Meu pai ficou louco, pois trabalhava para armar o inimigo, foi visto como um traidor e ser trabalho era praticamente escravo.

  Isso levou meu pai a tomar atitudes que eu nunca imaginei que iria acontecer, mas certa noite ele invadiu meu quarto enquanto eu dormia e me violentou. Depois desta noite nunca mais fui sua filha, mas apenas um objeto de casa que ele poderia usar ou não, segundo sua vontade. Minha mãe, que em vez de lutar por mim, ficou com ciúmes, começou a me castigar, me bater e ofender. De uma hora para a outra comecei a acreditar que tudo o que estava errado era culpa minha.

4. Uma luz

  A ilha de de Conomi estava entrege literalmente a bandidagem, não havia nenhum tipo de justiça e os tritões não ficavam interessados em roubos ou mesmo em assassinatos que aconteciam dentro da ilha, na verdade se divertiam com a ideia de um humano prejudicando o outro, mas Arthur, o tritão lula que trabalhava com meu pai parecia se importar.

  Durante os momentos negros que vivi após a invasão dos tritões, Arthur era o único que brincava comigo e me fazia sorrir. Acho que ele nunca soube da verdade sobre o que acontecia comigo, na verdade tinha vergonha de contar, mas me lembre dele me perguntar mais de uma vez se havia algo errado acontecendo comigo, pois ele me ajudaria, porém eu sempre dizia que eu estava bem.

  Arthur não era muito inteligente, mas possuía um dom especial para o ramo do ferreiro, em menos de dois anos ele podia construir armas melhores que as de meu pai e só estava lá ainda para nos ajudar. Conversando com ele sentia que ele não estava feliz com o que seus colegas estavam fazendo e que se tivesse poder um dia iria mudar a situação.

5. Os Revolucionários

  Passado o tempo, eu já tinha quinze anos, um grupo de caçadores de recompensas junto com revolucionários chegaram na cidade e diferente da Marinha ou qualquer agência do governo, foram eles que nos salvaram do mal causado pelos tritões. Todos os “peixes fora da água” estavam sendo perseguidos para serem presos ou mortos.

  Mas ajudei Arthur a sair da ilha, conhecia bem minha região, pois na infância, como qualquer criança, explorei cada centímetro em volta da minha cidade, contrário dos revolucionários que recém tinham chegado. Quando Arthur entrou na água ele se virou para trás e com um sorriso se despediu dizendo para viver o melhor da minha vida.

  Depois de um tempo me despedindo e vendo Arthur se despedir, descobri uma casa abandonada, dentro havia apenas um conjunto de roupas um tanto engraçadas e junto ela um enorme martelo. Me vesti, era exatamente meu tamanho e achei que estava engraçada, mas quando fui retirar a roupa um velho que estava em um canto escuro apareceu e disse para não tirar a roupa.

Imagem da fantasia:
 
  Seu nome era Shiori (guia) e me falou de sua neta para a qual ele preparava aquela roupa e arma. Então me perguntou se não queria ser treinada por ele a usar aquele tipo de arma. Aceitei e pode-se dizer que fiquei sumida da casa de meus pais por quase seis meses onde fiquei em um intenso treinamento com ele.

  Algumas coisas foram mudando em mim, como por exemplo meu corpo e minha alta confiança, estava melhorando os dois aspectos e ficando com a mente ainda mais forte. Com ele aprendi a me movimentar com leveza, muitas vezes de maneira acrobática, mesmo carregando o desajeitado martelo.

6.  Heroína ou vilã

  Depois desses seis meses de intenso treinamento tive que fugir. A casa havia sido descoberta por um grupo de pessoas e identificaram Shiori como um antigo capitão pirata que tinha uma recompensa de mais de 10 milhões de berries, porém a muito seu bando havia sido desfeito, mas ele ainda era um foragido.

  Shiori pediu para mim pegar a roupa e sair antes das pessoas chegarem, ele disse para ficar calma, pois ele já tinha vivido uma boa vida estava na hora de acertar as contas com a justiça e ficar em paz. Dias depois vi que ele foi executado pela marinha para servir de exemplo que pirata aposentado ainda era procurado e que nunca teria paz.

  Ao volar para casa mus pais brigaram comigo e a rotina de ser violentada voltou a acontecer. De uma hora para a outra havia perdido Arthur, Shiori e voltava a ser um objeto. Mas desta vez tinha algo para extravasar.

  Nas noites eu me vestia de palhaça mascarada e vagava a noite atrás de emoção, assim achei minha rotina de lutar contra bandidinhos, roubar o que eles tinham e então comprar um bom vinho, como Shori havia me ensinado. A história começou a se espalhar, mas muitos não sabiam como me qualificar, era uma vilã, uma justiceira ou heroína.

7. O surto

  Mas um dia de tarde, quando estava com meus amigos, alguns começaram a me provocar. Eu não era mais aquela menina alegre que eles conheceram na infância, era mais fechada e a Nami parecia ser a única que me respeitava e procurava me defender, Shun ficava ali, do nosso lado, mas era tímido e não sabia exatamente o que fazer naquele momento.

  Nami me dizia que faziam isso porque eu era bonita demais e que eles tentariam de tudo para tentar me pegar, mas por não dar bola criava esse tipo de reação por parte deles. Nesses momentos eu queria muito estar com a máscara para ensinar a eles uma boa lição, mas não podia.

  Foi quando um desses rapazes que então se aproximou sem eu perceber e tocou meu bumbum que surtei, com se tivesse ficado totalmente fora de mim. Peguei o violão que estava na mão do Shun e literalmente quebrei na cabeça do moleque. Quando ele estava tentando pensar no que havia acontecido lhe acertei um segundo golpe com o braço do violão no rosto derrubando o rapaz.

  Não parei ai, continuei a chuta-lo com toda a minha força. Era uma luta fácil, pois depois da invasão dos tritões poucos sabiam realmente lutar. Mas logo vieram os outros para me segurar e conforme me apertavam, mais raiva ficava. Não sei descrever exatamente o que aconteceu, mas quando voltei a mim mesma, havia mais de seis rapazes no chão, todos feridos e provavelmente com fraturas. Só parei porque dois adultos melhor preparados, conseguiram me imobilizar.

  Logo me levaram para casa para me entregar aos meus pais. Muita gente ainda acreditava que eu era uma pessoa boa e que por algum motivo ou provocação agredi os rapazes ali. Mas naquele momento muitos passaram a me chamar de a Louca, e esse apelido foi ainda mais divulgado pelos jovens agredidos e seus familiares.

8. Liberdade

  Quando cheguei em casa meus pais gentilmente atenderam as pessoas que me entregaram e com pedidos de desculpa despediram-se das pessoas, mas assim que a porta fechou o clima da casa mudou totalmente.

  Apanhei e fui humilhada como nunca fui antes pelos meus pais. Quando fui levada ao meu quarto para ser jogada e trancafiada ai, meus pais viram o uniforme que eu usava e o martelo. Nunca escondi eles, pois meus pais raramente vem ao meu quarto e não reparavam em nada, mas agora que estavam retirando tudo o que eu gostava notaram minhas lembranças de Shiori.

  Meu pai me pegou pelos cabelos e me levou até a sua oficina, lá vi ele queimando tudo o que eu tinha de valor, incluindo minha fantasia e martelo, que foi aos poucos derretendo e tendo o ferro armazenado pelo meu pai,

  Depois fui jogada novamente no quarto, fiquei ali três dias trancada. Ninguém entrava, ninguém saia. Vi que Nami veio me visitar e que Shun ficou na minha janela a tocar bonitas músicas para me animar. Mas estava em fúria e queria paz, bastava eu ficar melhor fisicamente que logo daria um jeito em tudo e isso ocorreu na quarta noite.

  Sai pela janela, como costumava fazer e consegui entrar na oficina de meu pai. Na fornalha ainda havia brasas e agora queria aumentar o fogo. Coloquei muita lenha para deixar o fogo bem forte, achei também um pote de óleo inflamável, meu pai usava para aumentar o fogo rapidamente quando precisava. Espalhei o óleo pela casa toda e por fim pus fogo na casa toda, pegando apenas uma aste de ferro, meu pai tinha várias em forma de pequenos tacos que eram usados para dar forma a armas ou armaduras.

  Quando a casa se incendiou toda eu ainda estava dentro e logo vi meus pais acordarem ainda tontos e tentando entender o que tinha acontecido, minha mãe veio na frente tentando cobrir o nariz e os olhos que ardiam por causa da fumaça, nem percebeu quando lhe acertei com a barra de ferro na cabeça fazendo ela desmaiar na hora.

  Meu pai que viu a cena se preparou melhor e partiu para cima. Ele era forte como todo ferreiro tem que ser, mas não era agil ou mesmo possuía algum talento para luta e acertei ele várias vezes até que ele também caiu. Eu estava cheia do sangue dele espalhada pela minha roupa e pele.

  “Finalmente!” Pensei. “Agora não vai ter mais ninguém para abusa de mim, esses dois vão morrer queimados.”

  Mas logo ouvi uma multidão chegando e jogando água para apagar o fogo. Sai pela janela, pois a porta estava em chamas tão forte que era impossível chegar perto, mas o vidro me deixou com mais cortes. Porém não me importei, queria apenas impedir as pessoas de jogarem água na casa na tentativa de apagar o fogo, mas eu precisava eliminar o passado da minha vida.

  - É a Louca! – Alguns gritaram. – Peguem ela! Ela matou os próprios pais.

  Um bando de homens vieram lutar comigo, acertei uns, me esquivei de outros, mas mirava principalmente nos baldes. Mas a realidade é que o óleo que eu havia espalhado fez um bom trabalho e cinco minutos depois a chama já havia consumido quase que a totalidade da casa.

9. A vida segue

  Fui presa pelas pessoas da cidade, a Marinha não tem força aqui, mas os revolucionários, por isso uma polícia civil foi montada pelos moradores e me deixaram presa em um quarto prisão que havia sido construído.

  Nami, com sua mãe e Shun foram explicar algumas coisas sobre a minha pessoa. Embora eu nunca tivesse falado com ninguém eles de alguma maneira sabiam o que acontecia dentro da minha casa quando as portas fechavam e testemunharam desta maneira a meu favor.

  Um homem então me chamou para conversar e de maneira clara relatou o que meus amigos disseram, e por causa de tudo o que sofri nas mãos de meus pais eles estavam dispostos a me perdoar, mas que não haveria chances como essas no futuro.

  Por fim ele me aconselhou a sair da ilha, primeiramente porque neguei que ele explicasse a população porque estava sendo solta, não queria me expor, mas a consequência disso é que eu nunca mais seria vista como uma pessoa normal aqui, mas apenas como a Louca. Em segundo lugar eu vou prejudicar meus amigos na ilha se ficar próximo deles, pois minha fama acabaria estendendo a eles também. E o ultimo motivo é que ele não queria mais problemas para a cidade, e minha presença vai causar conflitos, uma hora ou outra. Antes de me dispensar ele me avisou que o jornal espalhou minha história, me chamando de a Louca pelo mundo todo e que talvez eu não tivesse muita paz.

  Entendi o recado e sai daquela pequena prisão civil que me prendia. O dia já estava acabando e eu queria realmente dar um gole no melhor vinho que a cidade tinha, depois disso ir para algum outro lugar, mas uma coisa era certa, eu Buki Bijin, vou ser sempre a Louca.
~ VANTAGENS E DESVANTAGENS ~

(MÁXIMO DE 6 PONTOS GASTOS. TODOS COMEÇAM COM 2)

Vantagens:
• +1 Boa Aparência
• +1 Voz Encantadora
• +1 Temperamento Calmo
• +2 Genialidade
• +1 Ambidestro

Desvantagens:
• - 1 Vício: Vinho (a cada 15 posts)
• - 2 Má Fama: A Louca
• - 1 Sedutora Incorrigível


~ PERSONAGENS CONHECIDOS ~


PLAYERS:
 

NPC's Importantes:
 

NPC's Criados:
 

Jack Jet Poo:
 

Link da Mini Aventura concluída ou da ficha antiga cancelada: A louca na ilha

____________________________________________________



Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Bijin
Pirata
Pirata
avatar

Créditos : 24
Warn :
Feminino Data de inscrição : 17/01/2017
Idade : 19

MensagemAssunto: Re: Buki Bijin   Ter 09 Maio 2017, 20:56

Atualização

Aventura encerrada: http://www.onepiecerpg.com/t37098p130-capitulo-i-o-inicio-sobrio-do-mestre-alcoolatra#340726

Bijin

Perdas:
● B$30.000 (Já descontado nos ganhos) Ok

Ganhos:
● B$970.000 ok
● 4 Garrafas de vinho 38/40 - ok Mas são 10 usos por garrafa e não 25
● Martelo de Combate ok

Relação de personagens: Player Descreve
● Bruce: Dono do bar em Conomi Island, covarde e deu 1 milhão de Berries para Bijin. Ajudou ele em uma luta na arena e sem querer destruiu o concorrente dele.
● Alexei: Adversário vencido em uma luta de arena.
● Khrono: Era player meio sumido e virou NPC sem nenhuma importância.
● Poo: Antigo personagem do Alencar (bando) fez amizade com Bijin prometendo seguir ela a ajuda-la a realizar seu sonho, porém o Alencar resetou após a aventura acabar.
● Arata: Player, entrou no final e começou a bater um papo com a Bijin.

Exp: 10
EdC: 10

Dano +2; Acerto +4; Esquiva +2; Manipulação +2;

Obrigada.

____________________________________________________

#PrayForMeph

Eu? Procurada? Por quem?
Reino Para Sempre:
 


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Far
Estagiário Narrador
Estagiário Narrador
avatar

Créditos : 35
Warn :
Masculino Data de inscrição : 05/07/2015
Idade : 20
Localização : Your worst nightmare

MensagemAssunto: Re: Buki Bijin   Qui 11 Maio 2017, 15:45

~~ Atualizado ~~

____________________________________________________


Fala (#B22222 - FireBrick)
Pensamento (#4682B4 - SteelBlue)


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Bijin
Pirata
Pirata
avatar

Créditos : 24
Warn :
Feminino Data de inscrição : 17/01/2017
Idade : 19

MensagemAssunto: Re: Buki Bijin   Seg 09 Out 2017, 09:47

Aventura encerrada: Aqui

Bijin

Perdas:
● 8 doses consumidas de vinho. Ok
● Martelo da Ficha. Ok
● 880k BerriesOk

Ganhos:
● Pericia Forja Ok
● Pericia engenharia - comprada Ok
● Garrafa de vinho. Ok
● Fantasia comprada. Ok
Spoiler:
 

● Taco de basebol Arma loja lvl1 Ok
● Tratamento Médico para a surdez do ouvido. Ainda necessário algum tempo de recupereção para voltar a ouvir. Mais 3 posts para curar. Ok
● Npc companheiro - Negado - A descrição está muito simplificada, não explica direito a relação do NPC com o player, tente novamente na próxima aventura com uma descrição melhor.

Relação de personagens:
Player fará na ficha. Ok

Players:
Layla: Quando conheci essa garota logo me interessei por ela, na verdade por ser navegadora, topamos trabalhar juntas para provar nossa inocência e salvar seu amado Kuro. Mas por fim apenas fugimos, acabamos nos separando e ela seguiu seu rumo. Posso dizer que gostei dela, parecia saber o que estava fazendo e que não voltaria atrás com sua palavra.

Alister: Entrou na minha vida de maneira errada, em um momento de fúria da minha parte resolveu tentar se por entre eu e uma multidão, claro que não o tipo de pessoa que me escondo atrás de alguém e acabei chutando ele. Até o momento não tenho certeza se ele estava envolvido no envenenamento das pessoas em Conomi, mas sei que quando eu e a Metza apelamos para juntar as forças para nos salvar ele foi o único que ignorou o apelo. Acabamos nos separando, não sei porque, mas não tenho nada contra ou a favor dele.

Alibaba: Tudo que sei que é um jovem navegador loiro. Quando o conheci estava surda. Devo uma a ele,afinal me tirou de Conomi em meio a perseguição dos revolucionários.

Metza: Ela me encontrou em um momento feliz, estava apreciando um bom vinho e com vontade de comer algo, assim que a vi, toda maltrapida, convidei ela para comer algo comigo e dali em diante formamos uma grande amizade, ela não se abalou pela minha má fama e no momento de pressão tanto da população de Conomi quanto de Grambos ela permaneceu do meu lado.

NPCs Importantes:
Grambos: Escória da escória, o lixo entre o lixo. Apareceu na minha vida apenas para me acusar sem provas, me prender sem evidências e me perseguir sem motivos. Certamente haverá o dia que vou mata-lo. Por causa dele os revolucionários deixaram uma péssima impressão na minha vida.

NPCs Criados:
POO: Um mink urso panda que encontrei em Conomi. Passei uma pequena aventura com ele, quando um bar vendia cerveja com um tipo de droga para causar vício. Poo, um alcoólatra, não resistiu e acabou bebendo da cerveja, para resgata-lo, acabei com o bar, o dono do bar e descobri que o leite eliminava os efeitos viciantes da cerveja. A partir dali decidimos seguir nossas vidas e aventuras juntos. No dia seguinte lutando contra Grambos e os revolucionários Poo teve a oportunidade de me abandonar, mas voltou para me salvar e também pude dar cobertura a ele na fuga, hoje ele é um companheiro inseparavel que me acompanhou junto com a Metza e Alibaba para Louguetown.
Exp: 14
DANO: +4
ACERTO: +1
PONTARIA: +1
ESQUIVA: +4
MANIPULAÇÃO: + 4

EdC: 14
LEVEL 2: +2 dano, +2 Acerto, +2 Bloqueio

Localização: LogueTown Ok

____________________________________________________

#PrayForMeph

Eu? Procurada? Por quem?
Reino Para Sempre:
 


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
ADM.Mephisto
Administrador
Administrador
avatar

Créditos : 83
Warn :
Masculino Data de inscrição : 06/04/2017
Idade : 20
Localização : Wars Island (North Blue)

MensagemAssunto: Re: Buki Bijin   Seg 09 Out 2017, 10:57

~Atualizado~

____________________________________________________

Make love, not war




My Achievements:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Bijin
Pirata
Pirata
avatar

Créditos : 24
Warn :
Feminino Data de inscrição : 17/01/2017
Idade : 19

MensagemAssunto: Re: Buki Bijin   Seg 23 Out 2017, 11:44


____________________________________________________

#PrayForMeph

Eu? Procurada? Por quem?
Reino Para Sempre:
 


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
ADM.Mephisto
Administrador
Administrador
avatar

Créditos : 83
Warn :
Masculino Data de inscrição : 06/04/2017
Idade : 20
Localização : Wars Island (North Blue)

MensagemAssunto: Re: Buki Bijin   Seg 23 Out 2017, 11:53

~Atualizado~

____________________________________________________

Make love, not war




My Achievements:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Bijin
Pirata
Pirata
avatar

Créditos : 24
Warn :
Feminino Data de inscrição : 17/01/2017
Idade : 19

MensagemAssunto: Re: Buki Bijin   Sab 18 Nov 2017, 16:02

Level: 2       Números de Técnicas: 0
Nome: Counterattack
Descrição:  Um ataque simples que usa o movimento do personagem adversário para dar um ataque mais forte. Bijin se posiciona para o ataque focada em primeiro se esquivar e no movimento do atacante ela contra atacar com sua arma aproveitando o movimento do mesmo para dar um dano ainda maior.
O que usa: EDC Bárbaro
Restrição:

  •  é preciso que o adversário execute um ataque contra a Bijin
  •  Só funciona contra um adversário.
  •  Para ser executado deve haver sucesso na esquiva
  •  Mesmo na falha o SP é gasto
  • Só npode ser usado um turno sim um turno não

Dano ou Bônus: +10% de Dano

Ficha:  Bijin Buki, a Louca

SP: 20

____________________________________________________

#PrayForMeph

Eu? Procurada? Por quem?
Reino Para Sempre:
 


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
ADM.Mephisto
Administrador
Administrador
avatar

Créditos : 83
Warn :
Masculino Data de inscrição : 06/04/2017
Idade : 20
Localização : Wars Island (North Blue)

MensagemAssunto: Re: Buki Bijin   Sab 18 Nov 2017, 19:58

~Atualizado~


____________________________________________________

Make love, not war




My Achievements:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Bijin
Pirata
Pirata
avatar

Créditos : 24
Warn :
Feminino Data de inscrição : 17/01/2017
Idade : 19

MensagemAssunto: Re: Buki Bijin   Qui 23 Nov 2017, 16:44

Level: 2        Números de Técnicas: 1
Nome: Crazy Sky Attack
Descrição: Começando uma corrida na direção de um adversário específico, Bijin usa toda a sua velocidade e habilidades acrobáticas para aumentar o dano de seu golpe, ela precisa correr e faltando uma curta distância faz um pulo acrobático dando um giro e aumentando ainda mais a força do ataque, para desferir um poderoso ataque de cima para baixo com a sua arma.
O que usa: EdC Bárbaro e acrobacia
Restrição:
• Caso o inimigo esteja a menos de 3 metros da Bijin o movimento não pode ser executado
• Se a Bijin for acertada durante a excussão do movimento o ataque é anulado.
• O ataque só pode ser executado em linha reta
• O Ataque só funciona com um adversário.
• Deve haver o intervalo de um post para ser executado novamente.
Dano ou Bônus: +10% de Dano

SP:  24

____________________________________________________

#PrayForMeph

Eu? Procurada? Por quem?
Reino Para Sempre:
 


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Buki Bijin   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Buki Bijin
Voltar ao Topo 
Página 1 de 5Ir à página : 1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
A Grande era dos Piratas :: Personagem e Mundo :: Arquivo de Fichas :: Piratas-
Ir para: